Empresário que ameaçou Lula é encontrado pela Polícia Civil

17/03/2021 0 Por Redação Urbs Magna

São apurados os crimes de ameaça, incitação ao crime, calúnia, porte ilegal de arma de fogo e disparo de arma de fogo

Conjur – Nesta quarta-feira (17/3), o empresário José Sabatini foi encontrado pela Polícia Civil em Artur Nogueira (SP), na região de Campinas, que aceitou ir até a capital paulista para prestar depoimento.

Ele é investigado por um vídeo em que ameaça o ex-presidente Lula.

No vídeo, que passou a circular nas redes sociais no domingo (14/3), Sabatini aparece em um campo de futebol, com uma bandeira amarrada na cintura e atirando com uma pistola em alvos pendurados no gol.

Ele xinga Lula, acusa o ex-presidente de ter roubado R$ 84 bilhões do fundo de pensão dos trabalhadores e diz que vai lutar caso o petista tente “transformar meu país numa Venezuela”.

O inquérito policial foi aberto nesta segunda-feira (15/3), a pedido do governador João Doria.

A polícia passou a apurar os crimes de ameaça, incitação ao crime, calúnia, porte ilegal de arma de fogo e disparo de arma de fogo.

Na terça-feira (16/3), a 7ª Vara Cível de São Bernardo do Campo (SP) proibiu o empresário de continuar divulgando o conteúdo, sob pena de multa diária de R$ 1 mil até R$ 100 mil.

O juiz Fernando de Oliveira Domingues Ladeira entendeu que o vídeo extrapolou a liberdade de expressão e que Sabatini ostentou sua arma de forma ilegal.

Comente