LULA após decisão da ONU: ‘Quem tem que se defender agora é quem inventou mentiras contra mim”

“Eu não tenho que provar mais nada”, disse LULA nas redes sociais, após se livrar de todos os processos que o acusavam sem provas, sem citar o nome de Moro

O ex-presidente LULA afirmou em seu perfil oficial no microblog Twitter que “a decisão da ONU ontem mostrou a pouca vergonha que foi feita para evitar que eu fosse presidente da República“.

O fundador do maior partido de esquerda da América Latina prosseguiu dizendo que não deve “provar mais nada”, por ter anuladas as mais de 20 acusações e sentenças do âmbito da operação Lava Jato comandada pelo hoje ex-juiz que envergonha o Brasil por carregar pelo mundo o rótulo de ‘parcial’.

Agora, em posição favorável e que o privilegia, LULA disse que “quem tem que provar é quem inventou mentiras contra mim“, referindo-se a Sergio Moro, mas sem citá-lo.

Comente

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.