Jornalista que criticou Bolsonaro nas redes não terá contrato renovado pela Record

13/01/2021 2 Por Redação Urbs Magna

Diretoria da emissora diz ser improvável manter Adriana Araújo depois de março deste ano, após 15 anos de casa

As informações são do colunista Sandro Nascimento, do NaTelinha. Adriana Araújo trabalhou como âncora do Jornal da Record, tendo deixado o posto em junho de 2020, após ter feito críticas ao governo de Jair Bolsonaro em sua rede social, pedindo mais transparência no combate a Covid-19.

A postagem de Adriana teria incomodado o alto comando da emissora.

Segundo informações de Nascimento, o próximo destino da jornalista será na CNN Brasil, onde se pode dizer a verdade sobre o presidente.

Telegram: Acesse e SIGA NOSSO CANAL

Comente com o Face ou utilize a outra seção abaixo. Os comentários são de responsabilidade do autor e não têm vínculo com a publicação. Mantenha um bom nível de discussão, do contrário reservamo-nos o direito de banir seus perfis.