GILMAR MENDES VIRA CASACA E NEGA LIBERDADE A LULA, DIZ MÍDIA PiG

09/05/2018 1 Por Redação Urbs Magna
Compartilhe

Embora a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) esteja realizando um julgamento virtual sigiloso, que termina somente às 23h59 desta quinta (10), a mídia carcereira faz boca de urna dizendo que a Corte já desconheceu o recurso do ex-presidente Lula e ele continuará preso na PF de Curitiba.

De acordo com os jornalões golpistas, entre eles a Folha e o Estadão, três ministros do colegiado formaram maioria pela manutenção do petista encarcerado. Segundo a última desses veículos especializados em fake news, Gilmar Mendes também seguiu o relator Edson Fachin que nega liberdade ao ex-presidente.

Nesta terça (8), a mesma mídia do consórcio golpista anunciou que Dias Toffoli igualmente votou pela continuidade de Lula “engaiolado” na capital paranaense.

O recurso da defesa o fim do cumprimento antecipada da pena de Lula porque a condenação no caso tríplex ocorreu sem provas.

Os ministros citados pela velha mídia golpista como “vira-casacas” tem reiteradas vezes se manifestado contra a antecipação da pena com condenação na segunda instância, ou seja, eles fazem o discurso “garantista” e da presunção da inocência.

A Segunda Turma é formada por cinco ministros: Edson Fachin (presidente), Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski, Gilmar Mendes e Celso de Mello.
O Urbs Magna🌐 é um site independente. Se você quer ajudar na luta contra o golpismo e por um Brasil melhor, compartilhe com seus amigos e/ou em grupos de Facebook e WhatsApp. Quanto mais gente tiver acesso às informações, menos poder terá a manipulação da mídia golpista.

Subscreva nosso Canal do Youtube e acesse todos os vídeos. Curta nossa Página no Facebook e receba em primeira mão todas as postagens. Entre para o Grupo PROGRESSISTAS POR UM BRASIL SOBERANO e acompanhe as propostas para um país mais igualitário. Siga-nos no Twitter.

Compartilhe