“Sujeito, você está no chão”, diz Wyllys a Moro por ele achar que repetir mentira mil vezes torná-la-á verdade

Siga Urbs Magna no Google Notícias

Ex-juiz voltou a atacar LULA e o STF ao tentar se defender em rede social da acusação de suposta fraude eleitoral por mudança de domicílio

Nada há de ilegal com meu novo domicílio eleitoral“, afirmou Sergio Moro em seu perfil oficial no Twitter, após o MPE-SP (Ministério Público Eleitoral de São Paulo) convidá-lo para depor sobre sua mudança de domicílio, do Paraná para São Paulo, às vésperas das eleições, o que configura fraude eleitoral.

Usando frases de efeito, o ex-juiz condenado pelo SFT e ONU a carregar o rótulo de “parcial” afirmou, evadindo-se do foco da questão, que “é um direito de todo brasileiro mudar“.

Sem problemas, prestarei todas as informações necessárias“, afirmou após o promotor do órgão afirmar que a história de Moro e sua esposa “não convence”.

Depois, o ex-juiz aproveitou para atacar LULA, ao afirmar que “é estranho esse questionamento” sobre domicílio “enquanto a candidatura de um condenado em 3 instâncias seja tratada com naturalidade“.

Meia hora depois da afirmação, o jornalista, professor universitário e ex-deputado federal filiado ao Partido dos Trabalhadores, Jean Wyllys, respondeu ao ex-pré-candidato à Presidência fracassado:

Sujeito, você acha mesmo que repetir uma mentira mil vezes vai torná-la verdade“, disse Wyllys.

Ele [LULA] foi “condenado” em duas instâncias enquanto não se sabia da FRAUDE e da CORRUPÇÃO perpetradas pela quadrilha disfarçada de força-tarefa que VOCÊ CHEFIAVA com a ajuda da imprensa“, lacrou o petista.

Você está no chão!“, disse ainda sobre sua situação, que apenas o ex-juiz não consegue enxergar.

Comente

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.