‘Sobre o 1º turno das presidenciais de 2018’ – “Bolsonaro funciona como um relógio quebrado”, diz professor da UnB

10/03/2020 1 Por Redação Urbs Magna
Compartilhe

Nesta segunda-feira (9), o presidente Jair Bolsonaro afirmou, durante evento em Miami, EUA, que tem provas de que venceu as eleições de 2018 já no primeiro turno alegando fraude eleitoral no TSE. Sua fala repercutiu negativamente, não só no Tibunal Superior Eleitoral mas também no meio progressista (em conexão total acerca da deslealdade da direita desde a trama para o Golpe 2016).
Leia o que um professor da UnB escreveu:

Intenções de voto para presidente no 1º turno de 2018
Fotomontagem equipe Et Urbs Magna

Bozo funciona como o relógio quebrado, que pelo menos uma vez ao dia marca a hora certa. Dessa vez acertou no mérito – a votação eletrônica sem contra prova em papel é impossível de verificação por amostragem. Errou no diagnóstico – disse que venceu as eleições que sabotou desde o primeiro turno.

Um ladrão habitual deixa pistas por onde anda e já não tem valor nada do que fala ou escreve.

Infelizmente ao assumir uma causa justa tem o dom de jogar fezes sobre o que é justo e bom.

VOTO IMPRESSO – Faz muito tempo que sabemos das vulnerabilidades do sistema à corrupção DO TSE! Se O TSE resolver sabotar as urnas a programação central e “inviolável” será violada em Brasília diretamente por quem faz o programa de totalização das urnas. O programa será um programa do tipo “James Bond” se autodestruindo e instalando a versão correta logo após emitir o relatório final do dia de votação, assim que virar a hora e a data da contagem.

TODOS sabemos que a única arma contra isso é colocar cópias ilmpressas dos votos em urnas anexadas a cada máquina de votação, com a possibilidade do eleitor ver o voto em papel impresso detrás de um painel transparente antes que a cópia do voto entre na urna.
TODOS sabemos que não se pode entregar cópia do voto impresso para ao eleitor por que ele será chantageado a mostrar em quem votou e vai morrer ou ser comprado para votar em alguém.

Voto impresso é para ser conferido e não para ser entregue e espalhado pela rua.

Voto impresso é necessidade que a VENEZUELA já tem com as mesmas urnas eletrônicas e que derrubou TODAS as acusações de fraude. Todas as eleições VENEZUELANAS são conferidas por amostragem e as urnas eletrônicas de lá nunca foram programadas para alterar o resultado.

Graças aos modelos obsoletos do Brasil, que ainda roda os Dodges, não se pode dizer a mesma coisa aqui.

Pelo voto impresso guardado em urna para conferir relatórios totalizadores de votação por amostragem! É o mínimo que se pode exigir de eleições limpas.

por Heleno Correa Filho em seu Facebook

Telegram: Acesse e SIGA NOSSO CANAL

Comente com o Face ou utilize a outra seção abaixo. Os comentários são de responsabilidade do autor e não têm vínculo com a publicação. Mantenha um bom nível de discussão, do contrário reservamo-nos o direito de banir seus perfis.
Compartilhe