Sabemos como o ‘lawfare’ “pode causar danos à democracia”, diz Lula em solidariedade a Cristina Kirchner

A vice-presidente da Argentina, condenada à prisão e perda dos direitos políticos nesta terça, manifestou-se após a sentença citando a perseguição política a Lula por Moro, nos tempos da lava jato

Um dia depois que Cristina Kirchner recebeu a sentença de sua condenação à prisão e perda dos direitos políticos, o Presidente eleito no Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), se solidarizou com a vice-presidente da Argentina:

Minha solidariedade à vice-presidente da Argentina, Cristina Kirchner. Vi sua manifestação de que é vítima de lawfare e sabemos bem aqui no Brasil o quanto essa prática pode causar danos à democracia“, afirnou em seu perfil no Twitter, na tarde desta quarta-feira (7/12).

Kirchner manifestou-se após a sentença citando a perseguição política a Lula pelo então juiz Sergio Moro, nos tempos da lava jato, comparando seu caso e dizendo que também está sendo vítima de ‘lawfare‘.

O presidente da Argentina, Alberto Fernándes, disse, na mesma plataforma, que Kirchner não teve “atendidas as formas mínimas do devido processo legal“.

Torço por uma justiça imparcial e independente para todos e pelo povo da Argentina“, pontuou Lula.

Comente

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.