[VÍDEO] TSE NÃO SE POSICIONA SOBRE #caixa2doBolsonaro E ARTISTAS pedem JUSTIÇA

19/10/2018 1 Por Redação Urbs Magna

Et Urbs Magna, 19 de outubro de 2018, 12:00 GMT


Artistas cobram posição de Rosa Weber sobre compra de mensagens contra o PT

Um grupo de artistas gravou vídeos para as redes sociais cobrando uma posição oficial da ministra Rosa Weber, presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), sobre a atuação de empresários pró-Jair Bolsonaro (PSL) que compraram pacotes para disparar mensagens em massa, via WhatsApp, contra o PT, informa Thais Arbex.


 Receba nossas atualizações direto no seu WhatsAppRECEIVE UPDATES WHATSAPP IN ENGLISH


Da Folha – Nesta quinta (18), a Folha revelou que empresas bancaram o disparo de mensagens em massa, por meio do aplicativo, com informações falsas sobre a candidatura de Fernando Haddad (PT). A prática é ilegal, já que a lei eleitoral veda a doação privada para campanhas.

Nomes como os de Caetano Veloso, Sonia Braga, Zezé Polessa, Sophie Charlotte, Vladimir Brichta e Letícia Sabatella pedem que a ministra se pronuncie sobre o uso de fake news na corrida eleitoral deste ano.

“Prezada ministra Rosa Weber, desde o princípio das eleições estamos tendo que conviver com esses crimes eleitorais […] e agora este grande escândalo do WhatsApp. Senhora ministra, qual é a posição do TSE? Nós estamos aguardando”, diz Sonia Braga.

Os artistas dizem que, antes do pleito, houve “uma promessa do TSE” de que iria combater as fake news “com muito afinco”.

“Diante dessa revelação de houve financiamento de empresas para que houvesse essa enxurrada de tantas mentiras na campanha eleitoral, qual vai ser a medida [do TSE] para que nós possamos ter o processo de democracia retomado?”, pergunta Sabatella.

Vejamos:


Diga NÃO à introdução deste SÍMBOLO  SUÁSTICA PNG  em nossa BANDEIRA – Participe do Grupo WhatsApp ‘ISSO NÃO! ISSO NUNCA!’ clicando na IMAGEM ABAIXOGRUPO WHATSAPP ISSO NÃO ISSO NUNCA


 

Comente