STJ cassa decisão de Curitiba que havia suspendido investigação do TCU sobre diárias de Dallagnol

Ministro Humberto Martins determinou prosseguimento da apuração de irregularidades do ex-procurador e outros integrantes da Lava Jato

O STJ (Superior Tribunal de Justiça) cassou uma decisão da Justiça Federal de Curitiba, que no início do mês havia suspendido a investigação que corria no TCU (Tribunal de Contas da União) sobre as diárias, passagens e gratificações que procuradores ex-integrantes da operação Lava Jato, liderados por Deltan Dallagnol, receberam durante o auge das ações do Ministério Publico Federal.

O Ministro Humberto Martins determinou prosseguimento da apuração, conforme noticiou Lauro Jardim, no Globo, em “mais uma da série de derrotas que a Lava-Jato  vem sofrendo nas cortes superiores“, escreveu o jornalista.

Há dois anos o TCU investiga possíveis irregularidades no pagamento das diárias que somariam R$ 2,8 milhões entre 2014 e 2021. 

Siga Urbs Magna no Google Notícias
Comente

1 comentário em “STJ cassa decisão de Curitiba que havia suspendido investigação do TCU sobre diárias de Dallagnol”

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.