Relatório da CPI é entregue nas mãos de Aras, que segundo Aziz se comprometeu a “seguir com as investigações”

27/10/2021 1 Por Redação Urbs Magna
Relatório da CPI é entregue nas mãos de Aras, que segundo Aziz se comprometeu a “seguir com as investigações”

O presidente da CPI da Covid, Omar Aziz (PSD-AM), entrega o relatório final da investigação no Senado Federal ao Procurador Geral da República, Augusto Aras, entre os senadores Otto Alencar (PSD/BA), Humberto Costa (PT/PE), Renan Calheiros (MDB/AL) – relator, Rogério Carvalho (PT/SE), Fabiano Contarato (REDE-ES), Randolfe Rodrigues (REDE/AP) – vice-presidente, Simone Tebet (MDB-MS) e Alessandro Vieira (CIDADANIA/SE) | Imagem reprodução Twitter


PROGRESSISTAS POR UM BRASIL SOBERANO

De acordo com o presidente da Comissão no Senado Federal, o PGR “assumiu uma postura republicana e democrática (…) como esperávamos”, mas usuários de redes sociais estão incrédulos

O relatório da CPI foi entregue, nesta manhã [de 27 de outubro), em mãos, ao Procurador Geral da República, Augusto Aras“, afirmou Omar Aziz (PSD-AM) – presidente da Comissão que investigou o governo Bolsonaro durante a condução da crise de pandemia no Brasil. De acordo com o senador, como era esperado, o PGR “assumiu uma postura republicana e democrática se comprometendo a seguir com as investigações“, afirmou em seu perfil no microblog Twitter.

Aziz disse ainda que, a partir da entrega do fruto do trabalho de seis meses, os senadores seguirão “acompanhando o andamento dos trabalhos que, com certeza, trarão justiça aos mais de 600 mil óbitos no país e a outros milhares de brasileiros que carregarão sequelas pelo resto vida“.

Mas grande parte dos usuários da rede social estão incrédulos quanto à responsabilização de Bolsonaro e de todos os que tiveram pedido de indiciamento no relatório final, cuja relatoria foi do senador alagoano Renan Calheiros (MDB-AL).

Um perfil postou um meme de Aras sugerindo que o procurador é aliado do presidente e age sob interesses pessoais.

Confira após os tuítes do senador:

Entre dizer e fazer tem uma diferença bem grande. Mas eu sei que os senadores sabem disso“, afirmou o perfil @crisstorress.

Esse poste não vai fazer nada“, disse, se referindo a Augusto Aras, o perfil @Lourdes53504842.

Comente