Prisão de Temer pode ser contra-ataque de Moro, suspeitam aliados de Maia

21/03/2019 1 Por Redação Urbs Magna

A prisão do ex-presidente Michel Temer na manhã desta quinata-feira (21) seria uma retaliação do ministro da Justiça, Sérgio Moro, ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Segundo informações apuradas pelo colunista Tales Faria, do UOL, deputados próximos de Maia suspeitam que as prisões sejam uma retaliação a Maia porque ocorrem um dia depois de Rodrigo Maia criticar duramente Sérgio Moro, por ter tentado apressar a votação do pacote de segurança que enviou ao Congresso.

Na quarta-feira (20), Maia disse que Moro “confundindo as bolas” e que copiou o projeto do ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes.

No Twitter, Pedro Abramovay, diretor da Open Society Fundations para a América Latina e Caribe, foi mais longe e lembrou que o ex-ministro de Minas e Energia, Moreira Franco, que também foi preso nesta quinta-feira, é sogro de Rodrigo Maia.

Maia brigou com Moro. Que é amigo do Bretas. Que mandou prender Temer e Moreira Franco. Que é sogro do Maia. E a Lava-Jato no Rio está com quem no STF? Gilmar. Que não gosta do Moro nem do Bretas. O dia não vai ser monótono.— Pedro Abramovay (@pedroabramovay) 21 de março de 2019

​Tanto Temer quanto Moreira Franco são acusados pelo Ministério Público Federal (MPF) de cometer crimes de corrupção, peculato e lavagem de dinheiro.

Dino Barsa para o Et Urbs Magna via Sputnik

Receba nossas atualizações direto no seu WhatsApp – Salve nosso número em sua agenda e envie-nos uma mensagem – É GRÁTIS – ACESSE AQUI

Doe ao Et Urbs Magna

𝙲𝙾𝙽𝚃𝚁𝙸𝙱𝚄𝙰 𝚌𝚘𝚖 𝚘 𝚅𝙰𝙻𝙾𝚁 𝚀𝚄𝙴 𝙳𝙴𝚂𝙴𝙹𝙰𝚁 (O valor está expresso em Dólar americano) Para alterar o valor a contribuir, basta alterar o MULTIPLICADOR na caixa correspondente 𝐀 𝐩𝐚𝐫𝐭𝐢𝐫 𝐝𝐞 𝐔𝐒𝐃 $ 5 até o limite que desejar

$5.00

Comente