“Primeiro o impeachment, depois a cadeia”, diz Freixo

22/01/2021 1 Por Redação Urbs Magna

Deputado federal mencionou pesquisa do DataFolha que apontou 42% da população brasileira favorável à deposição do presidente Jair Bolsonaro

O levantamento de impeachment de Bolsonaro foi feito nos dias 20 e 21 de janeiro com 2.030 pessoas, ouvidas por telefone para respeitar regras sanitárias | Marcos Corrêa/PR

“Datafolha mostrando que o desgoverno Bolsonaro está derretendo. Primeiro o impeachment, depois a cadeia”, afirmou o Deputado Federal Marcelo Freixo (PSol-Rio), em seu perfil do Twitter, na noite desta sexta-feira (22).

A pesquisa DataFolha de hoje apontou que 53% da população brasileira descartam o impeachment do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), enquanto 42% defendem que ele seja afastado do cargo. O resultado mostra a piora na avaliação da gestão do presidente em meio ao recrudescimento da pandemia da Covid-19. 

O levantamento foi feito nos dias 20 e 21 de janeiro com 2.030 pessoas, ouvidas por telefone para respeitar regras sanitárias. A margem de erro é de dois pontos para mais ou para menos.

Em comparação com o levantamento feito entre os dias 8 e 10 de dezembro, o percentual de pessoas que não queriam impeachment era de 50%. Enquanto isso, os que defendiam a medida eram 46%. Os que não souberam responder passaram de 6% para 4%.

Comente com o Face ou utilize a outra seção abaixo. Os comentários são de responsabilidade do autor e não têm vínculo com a publicação. Mantenha um bom nível de discussão, do contrário reservamo-nos o direito de banir seus perfis.