OMS classifica coronavírus como PANDEMIA e Bolsonaro terá que mudar discurso

11/03/2020 Off Por Redação Urbs Magna

Uma transmissão recorrente do covid-19 está ocorrendo em diferentes partes do mundo e de forma simultânea“, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar hoje (11) uma pandemia do coronavírus, num reconhecimento de que a “mera estratégia de conter a proliferação da doença já não seria suficiente“. As informações são do portal UOL. Com isso, a OMS pede que governos, incluindo o Brasil, atuem para atender uma parcela da população mais ampla e vulnerável com o fim de evitar mortes.

Na semana passado, o presidente Jair Bolsonaro fez um pronunciamento, em cadeia nacional, sobre os primeiros casos no país, onde exaltou que “não há o que temer“.

Além disso, ontem pela manhã, nos EUA, o mandatário brasileiro discursou para empresários onde afirmou que o surto do coronavírus no mundo “é mais fantasia [da imprensa]”

Obviamente temos no momento uma crise, uma pequena crise. No meu entender, muito mais fantasia, a questão do coronavírus, que não é isso tudo que a grande mídia propaga pelo mundo todo


Jair Bolsonaro em Miami

A classificação da doença como pandemia mundial amplifica sua fala infeliz e lhe retira ainda mais pontos. Bolsonaro é visto internacionalmente como um presidente completamente despreparado para a função que exerce.

E o Governo brasileiro está com um problema seríssimo, após Bolsonaro ter implicado diretamente na extinção do ‘Mais Médicos’ porque terá que apresentar seu plano de ação, diante do apelo da OMS “para que governos adotem medidas mais duras e agressivas.”

Leia mais no UOL

Comente com o Face ou utilize a outra seção abaixo. Os comentários são de responsabilidade do autor e não têm vínculo com a publicação. Mantenha um bom nível de discussão, do contrário reservamo-nos o direito de banir seus perfis.