OMICRON: Reino Unido registra primeira morte do planeta

O premiê britânico, Boris Johnson, durante visita a um centro de vacinação em Westminster, em Londres, nesta segunda-feira (13/12) | Reuters/Pool | Atualmente estão confirmados no Reino Unidos 3.137 casos da omicron


PROGRESSISTAS POR UM BRASIL SOBERANO

Para Boris Johnson, a cepa descoberta na África do Sul deve ser tratada com a mesma preocupação que outras, apesar dos sintomas mais amenos devido aos indícios de que é mais transmissível

OMICRON: Reino Unido registra primeira morte do planeta . Para Boris Johnson, a cepa descoberta na África do Sul deve ser tratada com a mesma preocupação que outras, apesar dos sintomas mais amenos devido aos indícios de que é mais transmissível.

O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, disse nesta segunda-feira (13/12) que “ao menos um” paciente morreu após ser diagnosticado com a ‘omicron’.

É a primeira morte registrada no planeta relacionada à nova cepa, detectada pela primeira vez na África do Sul no fim de novembro, mas cujas características ainda são em grande parte desconhecidas.

Informações preliminares apontam que a variante teria ao menos algum grau de escape vacinal, ou seja,

A omicron está causando internações e infelizmente ao menos um paciente teve sua morte confirmada“, disse o primeiro-ministro durante visita a uma clínica de vacinação.

Eu creio que a ideia é que esta cepa é de certo modo uma versão mais amena do vírus, mas precisamos deixar isso de lado e só reconhecer a velocidade com que ela se dissemina entre a população. A melhor coisa que podemos fazer é tomar nossas doses de reforço”, disse Boris.

Recentemente, o Reino Unido aumentou seu nível de alerta do coronavírus ante a disseminação rápida da nova variante omicron no país. Logo depois, Boris Johnson pediu para que os britânicos recebessem doses de reforço o mais cedo possível, pois o Reino Unido está “enfrentando agora uma emergência“.

Atualmente, estão confirmados no Reino Unidos 3.137 casos de infecção pela omicron, após o recorde de mais 1.239 casos adicionais terem sido registrados no domingo (12/12).

Comente

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.