O risco de Bolsonaro

Fernando Gabeira aborda, na sua coluna de hoje, o tom cada vez mais radicalizado de Jair Bolsonaro — e o risco que ele corre com isso:

“Muitos afirmam que as táticas de Trump e Bolsonaro têm uma grande eficácia eleitoral. Isso ainda não foi demonstrado, uma vez que não houve nova eleição.

A situação do Brasil é diferente. Vivemos ainda numa grande crise econômica, o presidente não tem um Partido Republicano no Congresso. E, finalmente, o fator subjetivo: nosso temperamento é diferente não só pela cultura como pelo fato de não termos enfrentado tantas guerras como eles.

É muito possível que a tática de Bolsonaro o leve à sua verdadeira dimensão política: o líder de uma ala radical da direita longe de ser aprovado pelos 57 milhões de eleitores.”

via O Antagonista

Comente

1 comentário em “O risco de Bolsonaro”

  1. Pingback: O risco de Bolsonaro | Espaço de walter

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.