Mourão já tem apoio de generais para substituir Bolsonaro, diz Merval

“O vice-presidente assumiria a presidência sem nenhum problema, segundo avaliação de militares, e poderia se candidatar à reeleição em 2022”

O jornalista Merval Pereira, do Globo, avalia que o vice Hamilton Mourão já tem apoio militar para substituir Jair Bolsonaro, que lança o Brasil no caos e ameaça implantar uma ditadura miliciana no País. “Se por alguma manobra política/jurídica chegar-se ao ponto de um consenso em torno do afastamento de Bolsonaro, o vice-presidente Hamilton Mourão assumiria a presidência sem nenhum problema, segundo avaliação de militares, e poderia se candidatar à reeleição em 2022”, escreve ele, em sua coluna.

“Seria, por caminhos transversos, uma terceira via com apoio militar, depois de idealmente ter colocado ordem na bagunça institucional em que vivemos”, prossegue. “Quando escolheu o General Hamilton Mourão para seu vice, um dos zeros de Bolsonaro comemorou, dizendo que a oposição pensaria duas vezes antes de tentar impedi-lo. O feitiço virou contra o feiticeiro, e Mourão passou a ser visto por setores militares e políticos como possível solução para o problema em que Bolsonaro se tornou”, finaliza.

Síntese: Brasil247

Comente

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.