Moro, pivô da crise no Brasil, terá um ‘espião’ em Centro de Inteligência nos EUA

25/06/2019 0 Por Redação Urbs Magna

Distante fisicamente da crise que provocou no governo, em visita aos Estados Unidos, o ministro da Justiça Sergio Moro informou pelo Twitter na noite desta segunda-feira (24) que vai manter um “agente de ligação” no Centro de Inteligência de El Paso, na região fronteiriça do Texas com o México

Moro deixará agente em centro de inteligência dos EUA para “compartilhamento de informações”

Distante fisicamente da crise que provocou no governo, em visita aos Estados Unidos, o ministro da Justiça Sergio Moro informou pelo Twitter na noite desta segunda-feira (24) que vai manter um “agente de ligação” no Centro de Inteligência de El Paso, na região fronteiriça do Texas com o México, para “compartilhamento de informações estratégicas”

“Visita ao EPIC – El Paso Intelligence Center por agentes da PF, PRF, SEOPI e SENASP para conhecer as instalações e procedimentos. Manteremos um agente de ligação lá para obtenção e compartilhamento de informações estratégicas. O crime hoje é transnacional”, tuitou.

Segundo Moro, as técnicas aprendidas nos EUA serão replicadas no Brasil. “Queremos replicar no Brasil esses centros nos quais todas as agências de aplicação da lei têm representantes e compartilham informações. Aqui, para guarnecer nossas fronteiras. O projeto piloto será em Foz do Iguaçu, início já programado para o segundo semestre”.

O Centro de Inteligência de El Paso agrega diversas instituições de justiça estadunidenses em um ambiente de força-tarefa e é comandado pelo Drug Enforcement Administration (DEA – em tradução livre Órgão para o Controle/Combate das Drogas), órgão de polícia federal do Departamento de Justiça dos Estados Unidos.

Visita ao EPIC – El Paso Intelligence Center por agentes da PF, PRF, SEOPI e SENASP para conhecer as instalações e procedimentos. Manteremos um agente de ligação lá para obtenção e compartilhamento de informações estratégicas. O crime hoje é transnacional. pic.twitter.com/9TVMtr19St

— Sergio Moro (@SF_Moro) 25 de junho de 2019

Comente