Ministro da Educação se iguala a menino maldoso de 8 anos, em comentário estapafúrdio sobre Macron


Incomodado com a interferência de Emmanuel Macron, presidente da França, na questão das queimadas na Amazônia que mobiliza o G7 nestes dias, o Ministro da Educação de Bolsonaro, Abraham Weintraub, postou um de seus mais absurdos comentários desde que assumiu a gestão da pasta

Os franceses elegeram esse Macrón, porém, nós já elegemos Le Ladrón, que hoje está enjauladón…Ferro no cretino do Macrón, não nos franceses…, escreveu Weintraub.



O comentário estapafúrdio e delirante é vergonhoso para um representante de uma das classes ministeriais mais importantes do Brasil, e prova que a linguagem do bolsonarismo , definitivamente, está associada aos mais desprezíveis sentimentos que a humanidade é capaz de evocar. Veja abaixo:


Comente

2 comentários em “Ministro da Educação se iguala a menino maldoso de 8 anos, em comentário estapafúrdio sobre Macron”

  1. Socorro Araújo

    Não dá pra gente se surpreender mais! Jesus!!! Estou envergonhada de ser brasileira nesse momento do meu país!

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.