LULA e Dilma se encontram em São Paulo

13/01/2022 0 Por Redação Urbs Magna
LULA e Dilma se encontram em São Paulo

A ex-presidenta Dilma Rousseff e o ex-presidente Luiz Inácio LULA da Silva beijando sua fronte, em imagem do fotógrafo pessoal do petista, Ricardo Stuckert


PROGRESSISTAS POR UM BRASIL SOBERANO

Mídias repercutem imagem dos ex-presidentes no maior colégio eleitoral do Brasil. Leia o que cada uma disse

O ex-presidente Luiz Inácio LULA da Silva e a ex-presidente Dilma Russeff se encontraram na tarde desta quinfa-feira (13/1) em São Paulo, a maior capital eleitoral do Brasil.

Nas redes sociais, o presidente de honra do PT afirmou que foi o “primeiro encontro do ano com a minha querida Dilma“.

A imagem dos dois maiores líderes petistas viralizou nas redes sociais e nas mídias de notícias – cada uma delas explorando o tema de maneira própria, abordando assuntos relacionados ao partido e LULA. Leia após o tuíte;.

Veja abaixo e leia mais a seguir:

O Estadão disse, no lead para a matéria, que “no mês passado, Dilma não esteve no jantar do Grupo Prerrogativas promovido para premiar Lula” e que o “ex-ministro da Justiça José Eduardo Cardozo afirmou que desencontro foi ‘ruído de comunicação’“.

O Metrópoles argumentou sobre o questionamento de Dilma Rousseff a LULA, em “conversa que os dois [petistas] tiveram nesta quinta-feira [13/1], em São Paulo, sobre a aliança com Geraldo Alckmin“.

A Revista Fórum afirmou que “o ex-presidente LULA publicou uma foto nesta quinta-feira sinalizando que se encontrará com a ex-presidenta Dilma Rousseff mais vezes neste ano eleitoral“.

O Valor Econômico, assim como o Estadão, explorou o tema do jantar de LULA sem Dilma, mas argumentou tendenciosamente sobre um “mal-estar dentro do PT em relação à ex-presidente“.

O Brasil 247 disse que o tema “eleições presidenciais esteve entre os discutidos” pelos líderes do PT.

O portal O Antagonista, defensor de Sergio Moro, também explorou a imagem dos ex-presidentes petistas para afirmar tendenciosamente que Dilma, após ter sido “excluída de jantar com Alckmin”, posou “para foto com LULA“. A mídia, tão parcial quanto o candidato que defende, ainda se referiu ao petista como “ex-presidiário“.

Comente