LULA a Bolsonaro: “Camarão tem que tirar a casca, aquilo machuca na entrada e na saída”

 O ex-presidente Luiz Inácio LULA da Silva concede entrevista a blogs e sites de esquerda, nesta quarta-feira (19), sua primeira entrevista coletiva de 2022 | Imagem reprodução


PROGRESSISTAS POR UM BRASIL SOBERANO

“O Brasil não tem testagem pra população, mas “tem um presidente que gastou ‘R$ 600 mil pra trazer médico das Bahamas pra dizer que ele não pode comer camarão. Se o problema do Bolsonaro fosse só saber comer camarão eu poderia ensiná-lo”

Durante entrevista coletiva em São Paulo, nesta quarta-feira (19/1), para blogs e sites de esquerda, o ex-presidente Luiz Inácio LULA da Silva argumentava sobre a pandemia de coronavírus, e que as prefeituras do Brasil não têm dinheiro para testagem de sua população, mas “tem um presidente da República que gasta R$ 600 mil num avião pra trazer um médico das Bahamas pra dizer que ele não pode comer camarão“.

E a gente não fica indignado. A gente… passa desapercebido. Se o problema do Bolsonaro fosse só saber comer camarão eu poderia ensiná-lo. Ele tem que tirar a casca. Precisa mastigar. Não precisava trazer um médico das Bahamas”.

O ex-presidente sugeriu que Bolsonaro fizesse uma “consulta de telemedicina, que eles falam tanto pra nós ‘a telemedicina vai resolver’. Por que não resolveu da Bahamas a aqui no Brasil? O Bolsonaro lá, na telinha da televisão, ‘Ô cara, aprende a comer'”.

Camarão precisa tirar aquela coisa que tem na cabeça, que é só casca, aquilo machuca”, disse LULA, acrescentando que “machuca na entrada e na saída”.

Assista a seguir:

PT – Partido dos TrabalhadoresAo vivo 19/01 | Lula concede entrevista coletiva em São Paulo

Comente

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.