Imigração deve superar nascimentos nos EUA em breve, diz Censo

15/05/2013 0 Por Redação Urbs Magna

Nos Estados Unidos, a chegada de novos estrangeiros deve superar o crescimento nativo entre 2027 e 2038.capture-20130515-211039

immigration-6

Esse mapa-múndi foi modificado para mostrar a rede de imigração em todo o mundo. Os países que são exibidos maiores do que o tamanho normal enfrentam níveis mais elevados de imigração.

Uma onda imigratória deve se tornar o principal motor do crescimento populacional nos Estados Unidos nos próximos 30 anos, ultrapassando pela primeira vez desde meados do século XIX o crescimento decorrente dos nascimentos, segundo estimativas do governo federal. A chegada de novos estrangeiros deve superar o crescimento nativo entre 2027 e 2038, disse o Departamento do Censo em projeções divulgadas na quarta-feira.

Em 2060, os EUA podem receber 1,6 milhão de novos imigrantes por ano, enquanto o crescimento populacional natural – o número de nascimentos, menos o número de mortes – será inferior a 900 mil por ano, segundo o Censo. A tendência resulta do aumento da imigração e também do envelhecimento populacional e da redução da natalidade.

Thomas Mesenbourg, consultor do Departamento do Censo, disse que os EUA já tiveram ondas imigratórias anteriores, “particularmente as grandes ondas do final do século 19 e começo do século 20”, mas que pelo menos desde 1850 essas chegadas não são mais expressivas que os nascimentos.

A data exata para que a imigração supere o crescimento natural depende em grande parte do ritmo da imigração nos próximos anos, o que dependerá muito da reforma das leis.

Comente com o Face ou utilize a outra seção abaixo. Os comentários são de responsabilidade do autor e não têm vínculo com a publicação. Mantenha um bom nível de discussão, do contrário reservamo-nos o direito de banir seus perfis.