Glenn sugere “ato de guerra [de Trump] contra o Irã sem autorização do Congresso” como tempero para impeachment

03/01/2020 0 Por Redação Urbs Magna

“A execução de um ato de guerra contra o Irã sem o Congresso – um dos usos mais imprudentes da força militar em anos – é uma base válida e justa para isso”, disse Glenn Greenwald


Em mensagem escrita na língua inglesa, GG escreveu em seu perfil no microblog Twitter: “Se você deseja impeachment de Trump, a execução de um ato de guerra contra o Irã sem o Congresso – um dos usos mais imprudentes da força militar em anos – é uma base válida e justa para fazê-lo“,

Telegram: Acesse e SIGA NOSSO CANAL

Logo abaixo do parecer de Glenn, há o seguinte complemento: “Também é uma negação completa da agenda da #MAGA: os seguidores devem ter a dignidade de se opor: https://twitter.com/jeremyscahill/status/1213103439363936256…

O tuíte do fundador do The Intercept foi uma resposta a outro tuíte do jornalista Jeremy Scahill, do The Intercept EUA, que disse: “Assim como os neocons chegaram ao poder em 2001 com uma agenda predeterminada para mudança de regime no Iraque, o governo Trump colocou o Irã no alcance dos atiradores desde o salto. Este foi o centro do escândalo de conluio, amplamente ignorado pela mídia americana, com Israel e Arábia Saudita.”

Glenn comentou ainda: “Infelizmente, a guerra sem fim – no Oriente Médio e em outros países – é uma ortodoxia de longa data das alas do establishment de ambas as partes. Alimenta a economia dos EUA e sua hegemonia. Trump venceu, em parte, concorrendo contra esse militarismo irracional, e agora é uma incorporação dele“.

Nancy Pelosi, presidente da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, criticou a iniciativa de Trump que disse que a ação foi realizada “sem a consulta do Congresso”.

A maior prioridade dos líderes americanos é proteger vidas e interesses americanos. Mas não podemos colocar em risco a vida de militares, diplomatas e outros americanos, participando de ações provocativas e desproporcionais”, escreveu.

Comente com o Face ou utilize a outra seção abaixo. Os comentários são de responsabilidade do autor e não têm vínculo com a publicação. Mantenha um bom nível de discussão, do contrário reservamo-nos o direito de banir seus perfis.