‘Gabinete de Crise’, de Witzel, decreta ‘Estado de Emergência’ e pede que povo saia das ruas

16/03/2020 0 Por Redação Urbs Magna

A iminência de danos à saúde e aos serviços públicos caractetizou a decisão para o início do estado de emergência no Rio de Janeiro que, segundo o governador, não tem prazo para acabar. Contratações de emergência na área da Saúde deverão ser realizadas. Empreendimentos serão fechados ou funcionarão parcialmente.

É para se adequar imediatamente. Crianças estão em casa. Trabalhadores e também empresários têm que fazer o home-office. Tem que reduzir sensivelmente a presença nas ruas“, afirmou Wilson Witzel.

Somente a praça de alimentação de shoppings estarão abertas. Bares e restaurantes das praças devem funcionar com 1/3 das mesas e as academias deverão ser fechadas.

Com informações do G1

Telegram: Acesse e SIGA NOSSO CANAL