Enquanto Bolsonaro falava a podcast, Zambelli era telespectadora infiltrada na live de LULA com Janones

O presidente falou ao canal “Cara A Tapa” na manhã deste sábado (13/8), mas a deputada assistia a LULA dizendo que manterá auxílio de R$ 600

Na Live de Janones, na qual Lula prometeu a continuidade do Auxílio de R$ 600 caso vença as eleições, havia uma espectadora inesperada: a deputada extremista Carla Zambelli“, afirma a mensagem do perfil no Twitter ‘Central Eleitoral‘, que compartilhou o status da parlamentar do PL – mesmo partido do presidente Jair Bolsonaro, durante a transmissão ao vivo do encontro do ex-presidente com o ex-pré-candidato à presidência da República André Janones.

Veja abaixo e leia mais a seguir:

A única possibilidade de o Auxílio Emergencial continuar é a gente ganhar as eleições“, disse LULA ao lado de André Janones. O ex-presidente se referiu ao pagamento dos R$ 600 que em 2020, com a pandemia de Covid-19, foi instituído pelo Congresso, com este valor, após proposta inicial do governo Jair Bolsonaro, de R$ 200. O benefício existiu até o final do ano passado. O programa de transferência de renda atualmente em vigor é o Auxílio Brasil, que prevê pagamentos mensais de R$ 400 e foi criado pelo governo Bolsonaro para substituir o Bolsa Família.

Já o deputado afirmou que Bolsonaro “determinou, de forma indireta, o fim do Auxílio Emergencial. Ele teria o poder de optar que o auxílio continuasse depois de dezembro, mas não“, disse em referência à PEC aprovada pelo Congresso, que prevê o aumento das parcelas do Auxílio Brasil de R$ 400 para R$ 600. O projeto possibilitou o pagamento de benefícios em ano eleitoral, mas ampliação do valor só valerá até dezembro deste ano.

Siga Urbs Magna no Google Notícias
Comente

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.