Em sigilo, defesa de ‘Zero Um’ entrou com habeas corpus no STF, onde Gilmar Mendes é relator do caso

19/12/2019 0 Por Redação Urbs Magna

Defesa do senador entrou com um pedido de habeas corpus no Supremo Triunal Federal (STF), para tentar livrá-lo da prisão após confirmação de seu envolvimento em rachadinhas na Alerj e, sob sigilo, o caso tramita nãos mãos e relatoria do Ministro Gilmar Mendes


Após a procuradoria do Ministério Público cumprir, nesta quarta (18), 24 mandados de busca e apreensão nos endereços de Flávio Bolsonaro, Fabrício Queiroz e de familiares de Ana Cristina Valle, ex-mulher de Jair Bolsonaro, e a consequente e massiva divulgação nas mídias, em especial na Rede Globo, dos relatórios obtidos pelos agentes, a defesa do filho do presidente entra com pedido de HC no STF.

Telegram: Acesse e SIGA NOSSO CANAL

A investigação apura o criminoso esquema de “rachadinha” no gabinete de ‘Zero Um’ na Alerj, quando o senador ainda era deputado estadual no Rio de Janeiro, tendo sido observados os crimes de peculato, lavagem de dinheiro e formação de organização criminosa.




A Rede Globo rompeu em definitivo com o clã e faz as coberturas do caso com matérias telejornalísticas extensas, como foi o caso do JN na noite desta quarta-feira (18) e do Bom dia Brasil na manhã desta quinta-feira (19), cujos vídeos respectivos encontram-se abaixo:

ASSISTA:

Comente com o Face ou utilize a outra seção abaixo. Os comentários são de responsabilidade do autor e não têm vínculo com a publicação. Mantenha um bom nível de discussão, do contrário reservamo-nos o direito de banir seus perfis.