De repente a #Petra é alvo de jogada de Marketing político: a direita mantendo o status quo

04/02/2020 0 Por Dino Barsa


Publicado por ET URBS MAGNA


Essa discussão infundada sobre a indicação do documentário “Democracia em Vertigem” – que os apoiadores do presidente resolveram, de repente, emplacar – é mais jogada de marketing que propriamente uma crítica técnica à obra.

Até porque, acredita-se que bem poucos deles assistiram ou se assistiram, riram – como bem expôs #PedroBial em sua opinião – e convenhamos, opinião qualquer um dá.

Mas quando a opinião vem de um dos jornalistas mais bem pagos de uma emissora que colaborou com a queda da presidente citada no documentário indicado ao Oscar, desconfie.

Porque não se trata de especialistas da arte nas críticas que fazem, tampouco se trata de críticas técnicas, mas sim, se trata de guerra política.

E por que guerra política?

Uma porque Bial não é especialista em cinema.

E outra porque quando se ataca o autor pelas posições ideológicas e, consequentemente, critica a obra por essas razões, essa análise deixa de ser crítica e passa a ser guerra política.

A ideia, nesse contexto, é tornar a opinião pública sobre política “tendenciosa” – via mídia tradicional brasileira – para que se perceba a “não aceitação” do prêmio por parte do júri.

Isso se chama marketing.

E o marketing pode tanto ser favorável quanto desfavorável a um determinado objetivo.

O Oscar, no quesito filmes estrangeiros, é um prêmio, que em sua maioria, agraciou obras europeias (salvo raras exceções).

É muito dinheiro injetado para conseguir visibilidade e obter indicação.

É muito dinheiro injetado para pagar apresentador para falar mal da obra e manter a política anticapitalista em baixa porque o que move os EUA é o poder de se fazer adorado pelas populações mais carentes ao redor do planeta.

A indústria cinematográfica é uma porta aberta para manter o capitalismo operando.

A arte se vendeu ao capital americano.

E é óbvio que exaltar um filme que reporta a derrocada de uma nação a favor do capital é algo que “melaria” as negociações políticas de ambos os países!

Cai no jogo do “ficar indignado” com essas estratégias já manjadas quem quer.

Eu ficarei admirada quando a oposição burlar tais mecanismos de ataques!

Espero que a Petra tenha essa sacada e não caia na provocação dessa gente!

Quanto ao Oscar, será muito difícil chegar ao prêmio, não pelo mérito, mas pela politicagem. Ficarei na torcida!

Boa sorte, Petra!

https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=10222492867336691&id=1420190424

Telegram: Acesse e SIGA NOSSO CANAL

Comente com o Face ou utilize a outra seção abaixo. Os comentários são de responsabilidade do autor e não têm vínculo com a publicação. Mantenha um bom nível de discussão, do contrário reservamo-nos o direito de banir seus perfis.