Cristiano Zanin explica que LULA foi inocentado SIM, ao contrário do que Moro prega nas redes após suspeição

Ex-presidente compartilhou entrevista de seu advogado e Equipe classifica como fake news tudo o que diz o contrário, inclusive os tuítes do ex-juiz parcial

O advogado Cristiano Zanin Martins explica rapidamente nesse vídeo porque LULA é inocente“, diz mensagem postada na mídia social Twitter, neste domingo (22/5).

Ao contrário do que prega o ex-juiz Sergio Moro, condenado pelo STF (Supremo Tribunal Federal) e pela CDH (Comissão de Direitos Humanos) da ONU (Organização das Nações Unidas) a carregar internacionalmente os rótulos de “suspeito” e “parcial”, a Equipe LULA afirmou em seu tuíte que “só sobraram fake news“.

Outra publicação, sequencialmente na mesma plataforma, mostra o advogado do líder das pesquisas de intenção de voto na eleição presidencial de outubro argumentando sobre como LULA foi inocentado, na Justiça, das acusações do Power Point.

A apresentação à imprensa, durante coletiva, foi feita, em 2016, pelo ex-procurador Deltan Dallagnol (Podemos-PR) que, assim como Moro, também entrou para a política, atraído por poder e por um perigoso plano que nasceu nos tempos da extinta operação Lava Jato.

Assista a seguir:

Sobre o Power Point:

Siga Urbs Magna no Google Notícias
Comente

2 comentários em “Cristiano Zanin explica que LULA foi inocentado SIM, ao contrário do que Moro prega nas redes após suspeição”

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.