CNMP processa Deltan Dallagnol por ofensas ao Supremo Tribunal Federal

24/04/2019 2 Por Redação Urbs Magna

Dallagnol é processado por ofensas a 3 ministros do Supremo

Conselho Nacional do Ministério Público decidiu abrir processo administrativo disciplinar contra o procurador da Lava Jato, que disse que 3 ministros do STF formam “panelinha” a favor da corrupção

O procurador da Lava Jato em Curitiba Deltan Dallagnol virou, nesta terça (23), protagonista de um processo administrativo disciplinar por ter chamado os ministros Gilmar Mendes, Dias Toffoli e Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal, de “panelinha que manda uma mensagem muito forte de leniência a favor da corrupção”.

O processo foi instaurado, segundo informações do Painel da Folha de S. Paulo, pelo Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), por 10 votos contra quatro.

Em entrevista à CBN, Dallagnol disse: “Os três mesmos de sempre do Supremo Tribunal Federal que tiram tudo de Curitiba e que mandam tudo para a Justiça Eleitoral e que dão sempre os habeas corpus, que estão sempre formando uma panelinha assim que manda uma mensagem muito forte de leniência a favor da corrupção.”

E acrescentou: “Eu não estou dizendo que estão mal-intencionados nem nada, estou dizendo que objetivamente a mensagem que as decisões mandam é de leniência.”

via GGN

Comente com o Face ou utilize a outra seção abaixo. Os comentários são de responsabilidade do autor e não têm vínculo com a publicação. Mantenha um bom nível de discussão, do contrário reservamo-nos o direito de banir seus perfis.