Ciro Gomes é “auxiliar do fascismo”, diz Jean Wyllys sobre ataques do pedetista a LULA

“Resta saber se o resto” do partido “quer particiar” disso, afirmou o ex-deputado em exílio sobre a violência verbal ocorrida no debate com Gregório Duvivier

No Twitter, o ex-deputado federal em exílio, Jean Wyllys (PT) afirmou que o pré-candidato à presidência da República, Ciro Gomes (PDT), se presta a um “papel deplorável” de auxílio ao “fascismo” de Jair Bolsonaro (PL).

O jornalista compartilhou print de uma matéria revelando que o debate do pedetista com o humorista Gregório Duvivier foi utilizado por bolsonaristas em grupos do Telegram porque continham ataques do político a LULA, que os defensores da reeleiçao do atual ocupante do Palácio do Planalto julgaram que mereciam atenção:

Este é o papel deplorável que este sujeito vem desempenhando na campanha: o de linha auxiliar do fascismo. E ele nem seu fandom venham dizer que não têm consciência disto. Têm sim. Resta saber se o resto do PDT quer participar desse ataque à Democracia
JEAN WYLLYS (PT) @jeanwyllys_real
Siga Urbs Magna no Google Notícias
Comente

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.