Bolsonaro isola o Brasil no cenário internacional – nem Trump nem o 1º ministro de Israel virão à posse

26/12/2018 1 Por Redação Urbs Magna

Nem o primeiro-ministro de Israel, Binyamin Netanyahu, irá participar da posse do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) no próximo dia 1º janeiro. Nem mesmo o lobby favorável à empresas israelenses foi suficiente para assegurar a presença de “Bibi”, como é conhecido o premiê, na cerimônia de posse do ‘Coiso’.

Entretanto, dois dias antes, Netanyahu encontrar-se-á com Bolsonaro na sexta (30) no Rio de Janeiro. Por conta de tensões políticas internas, em Israel, Bibi ainda pode cancelar o encontro com o seu homólogo brasileiro.

A lista dos que não vêm à posse de Bolsonaro só cresce. Além do primeiro-ministro israelense, não estão nem aí para o capitão reformado do Exército Donald Trump (EUA), Pedro Sánchez (Espanha), Nicolás Maduro (Venezuela), Miguel Díaz-Canel (Cuba), Daniel Ortega (Nicarágua), dentre outros líderes mundiais.

Et Urbs Magna via Blog do Esmael

Receba nossas atualizações direto no seu WhatsApp – Salve nosso número em sua agenda e envie-nos uma mensagem – É GRÁTIS – ACESSE AQUI

Doe ao Et Urbs Magna

𝙲𝙾𝙽𝚃𝚁𝙸𝙱𝚄𝙰 𝚌𝚘𝚖 𝚘 𝚅𝙰𝙻𝙾𝚁 𝚀𝚄𝙴 𝙳𝙴𝚂𝙴𝙹𝙰𝚁 (O valor está expresso em Dólar americano) Para alterar o valor a contribuir, basta alterar o MULTIPLICADOR na caixa correspondente 𝐀 𝐩𝐚𝐫𝐭𝐢𝐫 𝐝𝐞 𝐔𝐒𝐃 $ 5 até o limite que desejar

$5.00


Comente com o Face ou utilize a outra seção abaixo. Os comentários são de responsabilidade do autor e não têm vínculo com a publicação. Mantenha um bom nível de discussão, do contrário reservamo-nos o direito de banir seus perfis.