Bolsonaro é “ladrão”, diz ex-ministro da Educação, Abraham Weintraub (vídeo)

“Ele teve que se entregar para o centrão porque a família dele se lambuzou”, afirmou o ex-aliado do presidente – ASSISTA:

Um recorte de vídeo postado pelo jornalista Guga Noblat, em seu perfil no Twitter, neste sábado (17/9), mostra o ex-ministro da Educação chamando o presidente Jair Bolsonaro de “ladrão”. Abraham Weintraub diz: “Que lixo a situação que a gente chegou, depois de tanto esforço, tanto sacrifício, pra andar numa porcaria de jet ski e ter um monte de mansão cara”.

Ele teve que se entregar para o centrão porque a família dele se lambuzou”, prossegue o ex-aliado do presidente. “A hora que pegaram ele, pegaram o Flavião, pegaram…, pegaram…, tamo aqui, tem foto, tem tudo”, disse.

Agora você escolhe, cara. É passar pano pra mentira; passar pano pra ladrão. Ladrão, cara!”, enfatiza. “Tá com dificuldade de falar, meu? Porque o bolsonarismo se corrompeu. Eu duvido que ele tenha coragem de falar que não entregou ministério para o centrão, que nem ele tá falando por aí agora“, diz ainda Weintraub.

O que é que o Bolsonaro quer?”, questiona o ex-ministro, que responde em seguida: “Ele quer a estrutura do Partido Liberal, ele quer o dinheiro do Partido Liberal. Agora, o PP mandou mais dinheiro pra ele também. O bolsonarismo é uma farsa, uma pirâmide, e vai ser desmontado também”, argumentou.

O que tem de malandro que usa a religião pra enganar! Pra se dar bem! ‘Ah, mas cê quer que o PT…’, bicho, eu não quero nada! Quem criou essa situação horrorosa foi o Bolsonaro! Eu quero que o bolsonarismo acabe. O bolsonarismo virou uma lepra”, diz o ex-ministro.

Assista a seguir:

Siga Urbs Magna no Google Notícias
Comente

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.