Aliada dos EUA, Colômbia invade a Venezuela por mar para tentar golpe de Estado, mas terroristas são fuzilados

03/05/2020 5 Por Redação Urbs Magna

Et Urbs Magna – O ministro do Interior e da Justiça da Venezuela, Néstor Reverol, relatou neste domingo (assista ao vídeo no fim da matéria) uma tentativa de incursão por mar no país, a qual foi frustrado pelas autoridades locais: “Um grupo de mercenários terroristas da Colômbia tentou realizar uma invasão marítima, com o objetivo de cometer atos terroristas no país, perpetrando assassinatos de líderes do governo revolucionário e aumentando a espiral de violência (…) e, assim, levando a uma nova tentativa de golpe de Estado”, declarou o ministro.

Fragata venezuelana

Junte-se a 37.250 outros assinantes

De acordo com informações de Alexandre Palma Araya, Reverol explicou que a tentativa de entrar no país foi através da costa do estado de Vargas, por sua capital La Guaira, no norte do país do Caribe, através de lanchas. O funcionário indicou que vários dos “terroristas” foram mortos na operação e outros capturados, e um arsenal de rifles de assalto foi apreendido.

Daremos detalhes mais tarde, já que a operação continua e outras prisões não são descartadas“, disse o funcionário, que anunciou que as autoridades responderão “com força” contra os grupos terroristas.

A tentativa de agressão contra a Venezuela ocorre quase exatamente um ano após a frustrada tentativa de golpe liderada pelo deputado da oposição Juan Guaidó, em Caracas, acompanhado pelo líder de direita Leopoldo López.

Parece que os frustrados julgamentos imperiais para derrubar o governo legitimamente constituído, liderado pelo presidente Nicolás Maduro, os levaram a formular ações excessivas“, disse Reverol hoje, depois de declarar o estado de “resistência permanente e alerta” no país sul-americano.

Declarações do Ministro Nestor Reverol que relatou que uma incursão terrorista por mar foi frustrada em Macuto, estado de La Guaira, e teve mortos e presos.

Telegram: Acesse e SIGA NOSSO CANAL

Comente com o Face ou utilize a outra seção abaixo. Os comentários são de responsabilidade do autor e não têm vínculo com a publicação. Mantenha um bom nível de discussão, do contrário reservamo-nos o direito de banir seus perfis.