ALEGANDO FRAUDE, BOLSONARISTAS QUEIMAM URNA NA AV PAULISTA PEDINDO REVOGAÇÃO

08/10/2018 1 Por Redação Urbs Magna

Na Paulista, bolsonaristas queimam réplica de urna e querem revogação das eleições

Vestido com roupas camufladas, um homem que se identificou como Abraão, disse que “falsas pesquisas já indicavam segundo turno e preparavam para que houvesse fraude”. “Comunista não sai do poder democraticamente. Só sai na bala”

Do RF – Reunidos na Avenida Paulista na noite deste domingo (7), um grupo de cerca de 40 bolsonaristas queimou réplicas de urnas e pediu a revogação das eleições, logo após a confirmação de que o candidato do PSL, Jair Bolsonaro, irá disputar o segundo turno das eleições presidenciais contra Fernando Haddad (PT).

Reportagem de Arthur Stabile e Sérgio Silva, da Ponte, acompanhou o protesto e ouviu, entre outros gritos de protesto, que é preciso “ir para a rua porque tem que revogar essa eleição”. Bastante exaltados, eles gritavam que houve fraude nas urnas – ressoando o que disse Bolsonaro em sua declaração nas redes sociais na noite deste domingo (7), após a confirmação da disputa com o petista.

Vestido com roupas camufladas, um homem que se identificou como Abraão, disse que “falsas pesquisa já indicavam segundo turno e preparavam para que houvesse fraude”. “Comunista não sai do poder democraticamente. Só sai na bala”, disse o homem.

Durante a votação, vários eleitores de Bolsonaro publicaram fotos e vídeos com armas na cabine de votação. Muitos deles apertavam as teclas dos números do candidato com o cano do revólver.

Leia reportagem completa no site Ponte .

Comente com o Face ou utilize a outra seção abaixo. Os comentários são de responsabilidade do autor e não têm vínculo com a publicação. Mantenha um bom nível de discussão, do contrário reservamo-nos o direito de banir seus perfis.