A bomba domingueira (8) do The Intercept: SERGIO MORO FORNECIA INFORMAÇÕES À REDE GLOBO EM TEMPO REAL SOBRE MANIPULAÇÃO QUE IMPEDIU LULA DE SER MINISTRO DE DILMA – crimes de grampos telefônicos de Lula podem alterar todo o processo da operação – Leia a síntese dos diálogos que estão fazendo Curitiba estremecer

08/09/2019 2 Por Redação Urbs Magna

Sergio Moro e toda a Força-Tarefa agiram politicamente para influenciar negativamente as decisões do governo petista de Dilma Russeff, especialmente quando da decisão da presidenta ao nomear Lula seu Ministro – As mensagens também revelam que havia uma parceria entre a operação Lava Jato e a Rede Globo, em tempo real, com o fim de massificar a ideia de que o ex-presidente Lula era o bandido, quando na verdade tudo foi fria e calculadamente planejado criminosamente pelos ‘justiceiros’ de Curitiba – Registros inéditos analisados pela Folha, em parceria com o site The Intercept Brasil, mostram anotações dos policiais federais que monitoraram ligações do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) em 2016. Além da conversa com a então presidente Dilma Rousseff (PT) sobre o termo de posse de Lula como ministro da Casa Civil, que foi divulgada após ter o sigilo levantado pelo então juiz Sergio Moro, Lula fez outras 21 ligações




Essas interceptações foram registradas pela PF após a ordem de Moro para interromper as escutas. As conversas foram gravadas porque as operadoras de telefonia demoraram a cumprir a ordem e o sistema da PF continuou captando as ligações. Essas conversas colocam em xeque a hipótese adotada na época por Moro, de que a nomeação de Lula como ministro tinha como objetivo travar as investigações sobre ele, transferindo seu caso de Curitiba para o STF. 


Leia os diálogos dos integrantes da Lava Jato sobre a escuta dos telefonemas de Lula



Uma escuta telefônica autorizada pelo juiz Sergio Moro permitiu que a Lava Jato soubesse em 9 de março de 2016 que a presidente Dilma Rousseff convidara o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para um cargo no seu governo. Lula confirmou o convite numa conversa com o ex-ministro Gilberto Carvalho, e o policial na escuta, Rodrigo Prado, avisou os outros investigadores num grupo do Telegram

9.mar.2016

Rodrigo Prado
16:02:49 Ela ofereceu mesmo pra ele
16:03:07 E ele esta pensando
16:03:07 Talvez aceite
16:04:01 Nao só por causa da LJ mas para salvar o Governo dela
16:04:33 Cai isso numa conversa dele com Gilberto Carvalho

(LJ- Lava Jato)

O procurador Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba, pediu no mesmo dia ao delegado Igor Romário de Paula, da Polícia Federal, que providenciasse um disco com todos os telefonemas grampeados pela PF. Para eles, estava claro que Lula seria ministro e que isso os obrigaria a tomar uma decisão sobre a investigação em curso

9.mar.2016

Deltan Dallagnol
19:25:19 Igor consegue pra mim CD ou DVD com todos os áudios do 9 e a análise dos que tiver? Estou sem nada pra ouvir no carro rsrsrs
Igor Romário de Paula
19:45:20 Sim… amanhã, ok!?
Deltan
19:59:45
Igor
22:00:48 Deltan… o Luciano já mandou um DVD para a Procuradoria… salvo engano está com o Januário e o Robinho
[…]
Deltan
22:09:00 Me disseram que não tinha todos os áudios… vou checar
[…]
Igor
22:09:37 Veja que se tiver faltando alguma coisa peço para completar e levo para vc

(9 – Referência pejorativa a Lula, que perdeu um dedo da mão esquerda quando operário)
(Luciano – Luciano Flores, delegado da Polícia Federal)
(Januário – Januário Paludo, procurador)
(Robinho – Roberson Pozzobon, procurador)


10.mar.2016

Deltan
00:20:56 Igor falei com o pessoal e parece que recebemos só os de destaque e não temos os daqueles em volta que podem ser importante para indicar riscos à segurança e a condução… Consegue os áudios completos e relatórios por favor?
[…]
Igor
21:19:23 O cara vai ser mesmo ministro
Deltan
21:21:06 Januário vem pra cá pra discutirmos o que fazer com o procedimento em sigilo
21:21:14 ele ia te ligar creio agora
Igor
21:26:42 Chego aí em 15 minutos…

(segurança/condução) – Riscos que justificassem a condução coercitiva de Lula para depor no dia 4 de março
Os integrantes da Lava Jato começaram então a discutir com o juiz Sergio Moro o levantamento do sigilo do inquérito e das conversas grampeadas. Para eles, havia uma oportunidade para fazer isso antes que Lula fosse nomeado e o caso fosse transferido de Curitiba para Brasília. No dia 15, a PF anexou aos autos da investigação três relatórios e 44 arquivos de áudio com os diálogos que achava mais relevantes


14.mar.2016

Luciano Flores
19:49:46 Prado e demais colegas da análise: Teríamos condições de apresentar os três relatórios de interceptação amanhã de manhã, com tudo o que tem de relevante nos dois períodos até o momento? (pergunto porque sei que vcs estavam com eles praticamente prontos)
Prado
20:24:45 Luciano: amanha de manha nao seria possivel. Sao 41 ligacoes no relatorio. Ainda faltam algumas mesmo fazendo mutirao de transcricao. Acho que conseguimos ate o final do dia de amanha.
20:25:15 Voces pensam em eprocar isso quando?
20:26:44 Se for uma emergencia, fechamos o relatorio do jeito que esta, mas muitas ligacoes so estao com resumo. E o Russo pediu expressamente que todas fossem transcritas.
20:27:16 Estamos tentando fazer o melhor possivel, porque esse relatorio vai fazer um strike em BSB
Flores
20:28:57 Estamos vendo essa questão da oportunidade… parece que já está confirmada a aceitação dele para Casa Civil
Prado
20:52:10 Ate o final do dia de amanha fica ruim?
20:52:32 Garato que ele estara pronto pra eprocar ate o final do dia
Carlos Fernando dos Santos Lima
20:52:47 Acho que a alternativa é fazer uma ft total pra desgravar
20:52:57 Degravar
20:53:11 Final do dia pode ser tarde demais
Prado
20:53:29 Mas precisa sair no DOU certo?
Carlos Fernando
20:53:49 Pode sair amanhã

(eprocar – Anexar aos autos no sistema eletrônico de acompanhamento processual, o E-proc)
(Russo – Apelido usado pelos procuradores para se referir ao então juiz Sergio Moro)
(BSB – Brasília)
(ft – Força-tarefa)
(DOU – Diário Oficial da União)

Lula aceitou o convite de Dilma na manhã do dia 16 de março, num café da manhã no Palácio da Alvorada. Com a expectativa de que o anúncio fosse feito naquele dia, os integrantes da Lava Jato correram para levantar o sigilo dos autos da investigação, obtendo o aval da Procuradoria-Geral da República para a iniciativa antes de uma reunião com Moro


16.mar.2016
Carlos Fernando
07:45:48 Qual a posição de Brasília sobre o assunto que vou tratar com o russo?
Paulo Roberto Galvão
07:47:56 Liga p o deltan p ele explicar. Mas de qq forma tem um café da manhã agora entre o 9 e a presidenta para concluir a discussão
Carlos Fernando
07:51:19 Por isso a urgência.
Paulo
07:55:42 Se for o caso de soltar, melhor soltar logo, hj ainda, de preferência à noite p dar tempo de avisar Janot que está na Suíça e ele dar um esporro em Eugênio. Basicamente isso rs. Mas ligue p Deltan
[…]
Deltan
08:48:37 Resumo: BSB achou melhor abrir sigilo aí (Pelella – Carol achava melhor deixar para avaliar na PGR). Antes de se tornar público, queriam poder ligar diretamente para o EA e falar
Carlos Fernando
08:56:31 Abrir tudo, pois serão relatórios diversos.
08:59:06 ?
09:02:10 Qual a reação quando soube também da medida?
[…]
Deltan
09:04:48 Reação foi boa
09:05:10 De concordância com probabilidade de que ele queira melar por questão ideológica e de que ele que se dane

(soltar – Levantar o sigilo)
(Janot – O então procurador-geral da República, Rodrigo Janot
Eugênio/EA Eugênio Aragão, recém-nomeado ministro da Justiça
Pelella)
(Eduardo Pelella – chefe de gabinete de Janot)
(Carol – Anna Carolina Resende, procuradora em Brasília)

Confirmada a nomeação de Lula, Moro determinou a interrupção da interceptação dos seus telefones às 11h12. Faltava decidir sobre o levantamento do sigilo da investigação e das conversas grampeadas. Deltan estava em Brasília e procurou o juiz no Telegram.


16.mar.2016

Deltan
12:44:28 A decisão de abrir está mantida mesmo com a nomeacao, confirma?
Sergio Moro
12:58:07 Qual é a posicao do mpf?
Deltan
15:27:33 Abrir

(mpf – Ministério Público Federal)

Moro ainda não recebera a manifestação do Ministério Público e não tomara sua decisão sobre o sigilo dos autos quando o grampo da PF captou uma conversa de Dilma com Lula sobre seu termo de posse. O policial na escuta logo avisou o grupo no Telegram. Mais tarde, relatou também uma conversa que Lula tivera antes com o vice-presidente Michel Temer


16.mar.2016

Prado
13:44:48 Senhores: Dilma ligou para LILS avisando que enviou uma pessoa para entregar em maos o termo de posse de LILS. Ela diz para ele ficar com esse termo de posse e só usar em “caso de necessidade”…
13:45:26 Estao preocupados se vamos tentar prende-lo antes de publicarem no DOU a nomeacao do Lils
Flores
14:26:31 Prado, transcreve literalmente tudo sem comentários. Faz uma informação em complemento ao relatório de pessoas com foro. Estou voltando pra SR pra carregar no eproc com áudio
[…]
Athayde Ribeiro da Costa
14:27:39 já é calro. mais isso demonstra ainda mais o desvio de finalidade da nomeação
Flores
14:29:50 Isso
[…]
Prado
14:53:26 To zerando
14:53:30 Tem muita ligacao
14:54:46 Falou com Temer… Lils Disse que ficou muito preocupado com as manifestacoes nas ruas domingo… Porque sao anti-politicas… E que ele precisa unir todos os politicos novamente para recuperarem o lugar deles…

(LILS – O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva)
(SR – Superintendência Regional da PF)
(Temer – O então vice-presidente Michel Temer)

Moro autorizou o levantamento do sigilo da investigação em despacho protocolado no sistema eletrônico da Justiça Federal às 16h19. A Globo News noticiou a decisão às 18h32 e revelou que Dilma fora grampeada. A informação teve impacto imediato num grupo dos procuradores de Curitiba no Telegram


16.mar.2016

Carlos Fernando
18:40:09 Tá na globo news
Deltan
18:52:42 Ótimo dia rs
Orlando Martello
18:53:19 O q está na globo news? Os áudios?
Athayde
18:53:37 Tudo
Jerusa Viecili
18:53:40 Isso
Orlando
18:53:59 Eu deus!!! Rs
Athayde
18:54:11 O mundo caiu
Deltan
18:59:54 Caros vamos descer a lenha até terça
19:00:02 por cautela falei com Pelella e deu ok

(terça – Dia previsto para a posse de Lula)

Embora tivesse dado seu aval para que a força-tarefa trabalhasse desde cedo pelo levantamento do sigilo, o gabinete do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, não sabia que Dilma fora grampeada. Janot estava na Europa e o procurador Eduardo Pelella, seu chefe de gabinete, chamou Deltan logo depois da revelação do diálogo com Lula

16.mar.2016

Eduardo Pelella
19:17:38 Vcs sabiam do áudio da Dilma?
19:17:59 Moro não menciona na decisão. E a gente não falou sobre isso
Deltan
19:22:57 Não
19:23:04 Parece que foi hoje cedo
Pelella
19:23:12 hoje cedo?
Deltan
19:23:13 Os relatórios foram fechados ontem
Pelella
19:23:17 Putz!
Deltan
19:23:22 Ouvi alguém falar que foi hoje cedo
Pelella
19:23:27 Não estão nos relatórios?
19:23:35 Caralhooo!!!
19:23:38 Vou ler aqui
Deltan
19:23:38 Relatórios são de ontem
19:23:54 Foram revisados hoje antes de juntar
19:23:59 Para não ter nada pessoal
19:24:12 Tudo que sabemos é o que está nos relatórios que te entreguei
Pelella
19:24:20 Putz!
Deltan
19:24:28 Há coisa pessoal que pedimos para ficar de fora ([…] p ex)
19:24:32 E tinha que ficar
19:24:39 O resto tá aí
Pelella
19:24:46 Certo.
Deltan
19:24:47 Fora hoje cedo rsrsrs
Pelella
19:24:55 Pq acabei não falando disso com Janot
19:24:59 Ele vai perguntar
Deltan
19:25:10 Natural
Pelella
19:25:11 Manda pra mim o horário direitinho
Deltan
19:25:16 Ok
19:25:23 Vou atrás disso
Pelella
19:26:12 beleza
Deltan
19:28:50 Foi perto do meio dia Athayde esta conferindo o horario
19:29:08 16/03 as 13:32
Pelella
19:35:54 Maravilha

Duas horas e meia depois da divulgação da conversa de Lula e Dilma, os procuradores começaram a discutir a legalidade das decisões de Moro e os riscos para a Lava Jato. Como a conversa fora gravada pela PF depois que o juiz mandara interromper a escuta, havia dúvidas sobre o levantamento do sigilo das investigações por Moro e a divulgação do grampo

16.mar.2016
Orlando
21:05:53 Estou preocupado com moro! Com a fundamentação da decisão. Vai sobrar representação para ele.
Carlos Fernando
21:06:48 Vai sim. E contra nós. Sabíamos disso.
Orlando
21:09:14 Ele justificou em precedentes stf a abertura dos áudios?
Laura Tessler
21:09:25 Acho que não…já chagaram ao limite da bizarrice…a população está do nosso lado…qualquer tentativa de intimidação irá se voltar contra eles
Carlos Fernando
21:18:01 Coragem… Rsrsrs
Orlando
[…]
21:19:20 Se acontecer algo com moro renúncia coletiva de MPF, pf e RF
[…]
Carlos Fernando
21:19:48 Por mim, ok
21:20:07 Adoro renunciar… Rsrsrs
Laura
21:20:28 Renúncia coletiva nada….denúncia é pedido de prisão!!!!
21:21:20 Hahahhahahaha
Carlos Fernando
21:21:21 Laura é xiita.. Rsrsrs
[…]
Andrey Borges de Mendonça
21:43:40 Pessoal, tem denuncia pronta ai em face do lula?
21:43:40 Eu renuncio tb!!!!!
[…]
Andrey
21:55:59 Mas juridicamente seria difícil argumentar q continuaria a ter validade apos a suspensao… Pode-se tentar, mas sera dificil
[…]
Carlos Fernando
21:58:06 O moro recebeu relatório complementar e o incorporou. Nesta altura, filigranas não vão convencer ninguém.
Jerusa
21:58:28 A operadora tinha autorizacao por 15 dias, ou seja ate dia 18/3. A operadora so interromperia antes se fosse comunicada.
Diogo Castor de Mattos
22:01:21 To com cf
Andrey
22:01:30 Se foi posterior, eu acredito q stf nao aceitara.A operadora so executa, nao eh parte. Mp e pf eh q sao.
Diogo
22:01:46 Nesta altura do campeonato
Andrey
22:01:48 Mas espero q esteja completamente errado
Antônio Carlos Welter
22:01:58 Se verdade, a autorização judicial cessou. Tendo sido desviado o audio, tem q desconsiderar
[…]
Carlos Fernando
22:02:48 O Moro aceitou.
[…]
Roberson Pozzobon
22:04:46 Creio que esse áudio, consolida uma situação de fato, mesmo na hipótese de nao ser formalmente utilizado daqui pra frente
[…]
Carlos Fernando
[…]
22:07:27 E talvez tenhamos que ameaçar renúncia se tentarem escalar.
Paulo
22:08:41 Quem escalar Carlos?
[…]
Carlos Fernando
22:12:16 O governo. Se tentarem medidas de retaliação, devemos ir para frente da TV e dizer o que acontece. Vamos dizer da guerra subterrânea que enfrentamos e das evidências de tentativas de destruição de reputação de pessoas de bem, como o Sérgio moro
[…]
Paulo
22:16:27 Calma. Se for só representações, a gente aguenta fácil
[…]
Andrey
22:27:14 Talvez a questao passe pela questao da boa fe na execucao do mandado. Miller levantou isso e ha varios precedentes da suprema corte.
22:27:25 Seria uma otimo precedente pra aplicar
Carlos Fernando
22:28:22 Confirmem então, mas não creio que a questão passe a ser o minuto que o juiz assinou a decisão.
[…]
Januário Paludo
22:39:17 Quem decide o que vai para os autos e o juiz. Se ele podia interromper também pode mandar juntar aos autos e validar. Filigrana.
Andrey
22:41:20 Januario, desculpe, eu nao vejo assim. Isso esta longe de ser filigrama na minha visao
22:41:40 Se ele suspendeu a interc, juridicamente nada vale dps
22:41:59 Eu espero q vcs estejam certos, mas nao eh tao tranquilo assim
Jerusa
22:42:05 gente, não precisamos usar esse audio.
Januário
22:42:29 Ok. Vou pensar.
Andrey
22:43:33 Eh q ele eh mto bom ne…por isso seria otimo se conseguissemos.
Deltan
22:43:35 Calma CF
22:43:47 Por enquanto tá tudo favorável
[…]
Deltan
[…]
22:49:16 Andrey No mundo jurídico concordo com Vc, é relevante. Mas a questão jurídica é filigrana dentro do contexto maior que é político.
[…]
Andrey
22:59:55 Concordo Deltan
23:01:28 Isso tera q ser enfrentado muito em breve no mundo juridico. O estrago porem esta feito. E mto bem feito

Informações de natureza pessoal e mensagens sobre outros assuntos foram suprimidas nos pontos indicados com o sinal […]

A transcrição das mensagens manteve a grafia original dos arquivos obtidos pelo The Intercept Brasil


Comente com o Face ou utilize a outra seção abaixo. Os comentários são de responsabilidade do autor e não têm vínculo com a publicação. Mantenha um bom nível de discussão, do contrário reservamo-nos o direito de banir seus perfis.