“Vai prorrogar o auxílio emergencial?” | Bolsonaro: “Pergunta para o vírus”

24/11/2020 0 Por Redação Urbs Magna

A resposta do presidente foi dada a um apoiador que o questionou se o governo manteria a assistência financeira ao povo brasileiro durante a pandemia

Ao ser questionado por um de seus apoiadores, hoje, terça (24), na porta do Palácio da Alvorada, sobre a a manutenção do auxílio emergencial nos próximos meses, o presidente Jair Bolsonaro respondeu “Pergunta para o vírus“.

Bolsonaro disse ainda que talvez o coronavírus esteja “de partida do Brasil” e que, assim sendo, espera não haver necessidade:

“A gente se prepara para tudo, mas tem que esperar certas coisas acontecerem. Esperamos que não seja necessário porque é sinal de que a economia vai pegar e não teremos novos confinamentos no Brasil”, disse.

“Desde o começo, eu nunca fui a favor do confinamento. Sempre defendi a ideia do isolamento vertical, mas, infelizmente, a decisão coube aos governadores e prefeitos”, continuou.

“Então, a gente espera que não seja necessário (a prorrogação do auxílio) e que o vírus esteja realmente de partida do Brasil”, concluiu.

Após a declaração, as redes sociais repercuritam as palavras de Bolsonaro negativamente.

Telegram: Acesse e SIGA NOSSO CANAL

Comente com o Face ou utilize a outra seção abaixo. Os comentários são de responsabilidade do autor e não têm vínculo com a publicação. Mantenha um bom nível de discussão, do contrário reservamo-nos o direito de banir seus perfis.