Tag: SAÚDE

Gestão Bolsonaro poderá entrar para a História como a Gestão do Suicídio Coletivo

Por Adriana Farias

Não é a primeira vez que eu ouço/leio pessoas falando que a política não influencia na vida delas. Seja economicamente,…

Anúncios

Duas irmãs brasileiras têm “sangue dourado”, o tipo mais raro do mundo, e são chamadas para transfusões em casos excepcionais

Por Redação Urbs Magna

Considerado o tipo sanguíneo mais raro do mundo, o Rh nulo ainda é pouco conhecido da maioria das pessoas. Foi detectado pela primeira vez em 1961, em uma mulher australiana. Até hoje, no mundo inteiro, só foram cadastrados 43 portadores desse tipo sanguíneo. Nesse grupo, há duas brasileiras que são irmãs. Uma mora no Rio de Janeiro e a outra, em Juiz de Fora, Minas Gerais.

O energúmeno do Bolsonaro criou um ministério de antípodas, ou antiministério. Nunca pensei que fosse ver isso em minha vida

Por Redação Urbs Magna

Nunca pensei que fosse ver isso em minha vida. Mas o energúmeno do Bolsonaro criou um antiministério. Um ministério de antípodas. Explico: para cada pasta ele nomeou um inimigo dos valores que deveriam nortear aquela área. Gente que vai destruir os fundamentos da pasta que assumir.

Em Cuba até cachorros de rua recebem identificação e saúde pagas pelo Estado (isso está por trás da ladainha preconceituosa da direita)

Por Redação Urbs Magna

Em Cuba, cachorros de rua recebem cartões de identificação e cuidados de saúde pagos pelo Estado – Mais de uma dúzia de instituições estatais “adotaram” um cão vadio, que recebe um cartão de identidade oficial com o nome de sua foto e onde mora.

“Saúde no Brasil é mercadoria, por isso Bolsonaro atacou os cubanos”, diz médico neto do ex-presidente João Goulart

Por Redação Urbs Magna

“Bolsonaro quer transformar o Brasil em Cuba, mas numa Cuba anterior à revolução, que era um país totalmente submisso aos Estados Unidos”. A frase é do médico João Marcelo Goulart, neto do ex-presidente João Goulart e profissional do programa Mais Médicos, na cidade de Canoas (RS). Goulart conhece Cuba de perto. Durante seis anos, ele estudou na ilha, como aluno da Escola Latino Americana de Medicina, idealizada por Che Guevara. Quando se formou, o governo brasileiro estava lançando o Mais Médicos, programa ao qual ele e sua esposa, que é equatoriana também formada na Elam, aderiram.