Lista dos que ‘não vão’ está grossa. Posse de Bolsonaro será marcada por ausências e protestos

O primeiro-ministro espanhol Pedro Sánchez não cruzará o Atlântico para prestigiar a posse de Jair Bolsonaro, no dia 1º de janeiro. O líder socialista espanhol mandará como representante a presidenta do Congresso, Ana Pastor. Donald Trump, a quem Bolsonaro idolatra, igualmente faltará à cerimônia no Palácio do Planalto. Ele será representado pelo secretário de Estado, Michael …

Lista dos que ‘não vão’ está grossa. Posse de Bolsonaro será marcada por ausências e protestos Leia mais »