Tag: Ibope

Sul do Brasil, que elegeu Bolsonaro, agora reprova o presidente, diz Ibope

Por Redação Urbs Magna

Aprovação a Bolsonaro é estável na média, mas teve queda no Sul: Aprovação caiu de 52% para 36%. Reprovação passou de 18% a 28%. Popularidade sobe no Norte e Centro-Oeste

Anúncios

A Queda Livre de Bolsonaro – Ibope: um terço dos eleitores pobres se arrepende do voto

Por Redação Urbs Magna

No Nordeste, de cada dez eleitores que consideravam o governo bom ou ótimo, quatro já mudaram de ideia. No Sudeste e no Sul, esse movimento também se observa, mas com menor intensidade: três e dois de cada dez, respectivamente, já deixaram de manifestar aprovação

Lá vem Bolsonaro descendo a ladeira: desconfiança com governo saltou de 30% para 44%, segundo o Ibope

Por Redação Urbs Magna

Jair Bolsonaro perdeu três de cada dez apoiadores do seu governo em apenas dois meses. A proporção de quem considera sua administração boa ou ótima caiu de 49% em janeiro para 39% em fevereiro e chegou a 34% em março, segundo o Ibope. O presidente perdeu 15 pontos percentuais em 60 dias. Seu saldo ainda é positivo porque apenas 24% dizem que o governo é ruim ou péssimo. Outros 34% consideram que é regular, e 8% não souberam avaliar.

REJEIÇÃO A BOLSONARO AUMENTA E ELEITORES O ABANDONAM AOS POUCOS. COMEÇA A VIRADA DE HADDAD

Por Redação Urbs Magna

Os brasileiros começam a reagir e rejeitar os discursos ditatoriais do candidato Jair Bolsonaro, bem como a ameaça de fechar o STF, feita pelo seu filho; segundo a pesquisa Ibope divulgada nesta noite, a rejeição ao candidato da extrema-direita subiu cinco pontos em uma semana, indo a 40%; nos votos válidos, Bolsonaro caiu dois pontos, e nas menções espontâneas a queda é de cinco pontos percentuais; já Fernando Haddad aparece em alta: subiu dois pontos nos votos válidos e viu sua rejeição cair seis pontos; o desafio agora é tirar 6,5 pontos de Bolsonaro até domingo; há horizonte para a virada e para vitória da democracia na reta final

HADDAD ARRANCA E PARTE PRA CIMA DE BOLSONARO. CRESCE DE 6 PONTOS EM MINAS E 3 EM SÃO PAULO, DIZ IBOPE

Por Redação Urbs Magna

Na reta final do primeiro turno das eleições, a candidatura do petista Fernando Haddad à Presidência da República voltou a crescer nos dois maiores colégios eleitorais do país, São Paulo e Minas Gerais, segundo as pesquisas Ibope divulgadas nos dias 2 e 3 de outubro.

BOLSONARO (32%), HADDAD (23%) E VENCE NO 2º TURNO: NOVA PESQUISA IBOPE TEM NÚMEROS TÍMIDOS A SEREM DESMASCARADOS NO DOMINGO

Por Redação Urbs Magna

Nova pesquisa suspeita coloca Bolsonaro ainda à frente de Haddad, mas desta vez com 8 pontos percentuais de vantagem (queda de 3). Haddad disparou: “Vamos fazer o Brasil voltar a crescer”. A confiança retorna à galope.