Tag: Folha de São Paulo

O que muda na política com Lula fora da prisão, de acordo com a Folha

Por Redação Urbs Magna

A Folha de São Paulo traz nesta segunda (11) uma análise sobre as mudanças no cenário político brasileiro e mundial, a partir da libertação de Lula, em especial com a atuação do ex-presidente nos comícios a que se propôs desde que deixou a carceragem da Polícia Federal em Curitiba. Leia abaixo a transcrição:

Anúncios

Há 50 anos, em 1969, morreu Carlos Marighella, líder da ALN, abatido em São Paulo pela Operação Bandeirante, publicou a Folha

Por Redação Urbs Magna

Carlos Marighella, 58, morreu. O ex-deputado e líder do grupo armado ALN (Ação Libertadora Nacional) foi morto nesta terça-feira (4), por volta das 20h30, por agentes da Operação Bandeirante, comandados pelo delegado Sérgio Paranhos Fleury, do Dops (Departamento Estadual de Ordem Política e Social)

Janot quase matou Gilmar Mendes dentro da Corte, quando em uma ocasião entrou armado no STF querendo acabar com a vida do Ministro: “Ia matar ele e depois me suicidar”, disse

Por Redação Urbs Magna

Ex-PGR diz que cogitou matar Gilmar Mendes dentro do Supremo quando era Procurador-Geral da República – Em livro, ex-procurador-geral diz que entrou armado na corte com intenção de atingir ministro

The Intercept madruga domingo (22) detonando a operação de Sergio Moro e Deltan Dallagnol ao revelar, com novos vazamentos de diálogos, que a Lava Jato poupou donos e executivos da Odebrecht para arrancar delação e o mais grave: procuradores quiseram controlar a empresa e vender ações

Por Redação Urbs Magna

Sob o título “𝑳𝒂𝒗𝒂 𝑱𝒂𝒕𝒐 𝒑𝒐𝒖𝒑𝒐𝒖 𝒅𝒐𝒏𝒐𝒔 𝒅𝒂 𝑶𝒅𝒆𝒃𝒓𝒆𝒄𝒉𝒕 𝒅𝒆 𝒎𝒆𝒅𝒊𝒅𝒂𝒔 𝒅𝒓á𝒔𝒕𝒊𝒄𝒂𝒔 𝒑𝒂𝒓𝒂 𝒇𝒆𝒄𝒉𝒂𝒓 𝒅𝒆𝒍𝒂çã𝒐 – 𝑷𝒓𝒐𝒄𝒖𝒓𝒂𝒅𝒐𝒓𝒆𝒔 𝒄𝒐𝒈𝒊𝒕𝒂𝒓𝒂𝒎 𝒐𝒃𝒓𝒊𝒈𝒂𝒓 𝒄𝒐𝒏𝒕𝒓𝒐𝒍𝒂𝒅𝒐𝒓𝒆𝒔 𝒂 𝒗𝒆𝒏𝒅𝒆𝒓 𝒂çõ𝒆𝒔, 𝒎𝒂𝒔 𝒅𝒆𝒔𝒄𝒂𝒓𝒕𝒂𝒓𝒂𝒎 𝒊𝒅𝒆𝒊𝒂 𝒄𝒐𝒎 𝒂𝒗𝒂𝒏ç𝒐 𝒅𝒆 𝒏𝒆𝒈𝒐𝒄𝒊𝒂çõ𝒆𝒔, 𝒎𝒐𝒔𝒕𝒓𝒂𝒎 𝒎𝒆𝒏𝒔𝒂𝒈𝒆𝒏𝒔”, a Folha de São Paulo rompe a madrugada de Domingo (22) com o plantão dos jornalistas Ricardo Balthazar e Paula Bianchi, que assinam a reportagem, revelando um capítulo surpreendente da Vaza Jato de Glenn Greenwald:

NOVA BOMBA ‘GLENN’: Aloysio Nunes (do impeachment de Dilma) foi o verdadeiro bandido da história que coordenava as propinas do PSDB, revela The Intercept/Folha na madrugada deste sábado (21)

Por Redação Urbs Magna

Reportagem do The Intercept Brasil em parceria com a Folha de São Paulo deste sábado (21) aponta que ex-senador, que teve papel decisivo no golpe de 2016 ao pedir ajuda dos EUA para derrubar Dilma, aparece como coordenador de propina do PSDB em delação da OAS para a Lava Jato em papel central de esquema; tucano nega crimes e diz que delações são mentirosas