Tag: CCJ

“…não se justifica o combate à corrupção com atuação judicial partidária [de Moro e Lava Jato]”, diz Randolfe Rodrigues

Por Dino Barsa

Ao final da fala de Glenn Greenwald, o senador Randolfe Rodrigues (REDE-AP), autor do requerimento para a sessão e presidente da mesma, discursou sobre a partidarização da justiça pela Operação Lava Jato, cujo protagonista principal foi Sergio Moro, atual ministro da Justiça de Bolsonaro

Anúncios

Glauber Braga diz que Moro vai entrar para a história como Juiz Ladrão e sessão na CCJ termina em briga – ASSISTA

Por Redação Urbs Magna

Glauber Braga encerra sua fala dizendo: “A História não absolverá o senhor. Da História, o senhor não pode se esconder. E o senhor vai estar sim nos livros de História. Vai estar nos livros de História, como um juiz que se corrompeu; como um juiz ladrão. É isso que vai estar nos livros de História.

Libertação de Lula entra em discussão no Senado e indicação de Moro ao Ministério da Justiça será questionada

Por Redação Urbs Magna

Diante dos esforços de aliados para blindar Sergio Moro (Justiça) na audiência no Senado na qual ele vai falar do vazamento de conversas com procuradores da Lava Jato, o PT busca estratégia para enfrentar o ministro. Quem acompanha as conversas diz que as assessorias da sigla na Câmara e no Senado estão mobilizadas para encontrar o melhor caminho. A indicação, até agora, é a de que os integrantes da legenda evitem fulanizar a discussão a ponto de transformá-la em um plebiscito sobre Lula.

PSOL e demais partidos da oposição irão ao STF pela anulação da sessão da CCJ

Por Redação Urbs Magna

“Atenção: PSOL e demais partidos da oposição irão ao STF pela anulação da sessão da CCJ de hoje. A presidência da comissão impediu análise regimental de requerimento pela suspensão da tramitação da reforma da previdência. Não vamos tolerar golpe para destruir direitos”, declarou o PSol em sua página no Twitter

“Tchutchuca é a mãe”, diz Guedes a Zeca Dirceu fugindo da Câmara, fazendo a bolsa cair e o dólar subir

Por Redação Urbs Magna

A audiência sobre a reforma da Previdência na CCJ da Câmara foi encerrada nesta quarta-feira, 3, depois que o deputado Zeca Dirceu (PT-PR) afirmou que o ministro Paulo Guedes age como “tigrão” em relação a aposentados, idosos e pessoas com deficiência, mas como “tchutchuca” em relação à “turma mais privilegiada do nosso país”; fora do microfone, Paulo Guedes se dirigiu a Zeca Dirceu e respondeu: “Você não falte com o respeito comigo. Tchutchuca é a mãe, tchutchuca é a vó”; fiasco de Guedes na Câmara fez a bolsa cair e o dólar subir