Projeto de poder de Bolsonaro prevê ciclo de poder de 20 anos, caso Lula seja derrotado

‘Se ganharmos de Lula, vamos perder para quem?’, disse o presidente, após demonstrar temor de uma vitória do ex-presidente, em outubro

O projeto de poder do presidente Jair Bolsonaro (PL) e de seu grupo político prevê um ciclo de poder de 20 anos, caso o ex-presidente Lula (PT) – líder de todas as pesquisas de intenções de voto para a eleição presdencial de outubro, seja derrotado. “Se ganharmos de Lula, vamos perder para quem?“, disse Bolsonaro a um interlocutor que atua em prol da reeleição do atual ocupante do Palácio do Planalto, onde governistas de sua campanha veem que o fim de arroubos autoritários é condição para ganhar o pleito.

Pelo menos nos próximos 50 dias, os ataques e ameaças à democracia deverão ser trocados pelos discursos por medidas econômicas, informa, em seu blog, a jornalista Andréia Sadi, do Globo, que ouviu de auxiliares do presidente. Eles tentam passar uma imagem de Bolsonaro que convença o eleitor de centro que o presidente não vai adotar um golpe institucional se for reeleito.

Após a reunião de Bolsonaro com embaixadores, o QG da reeleição praticamente se transformou num gabinete de crise” escreve a jornalista, que prossegue: O desafio é “colocar em foco novamente os efeitos do Auxílio Brasil“. A três meses da eleição, diante do risco de perder o poder, Bolsonaro disse que “se ganhar a eleição, o projeto é de 20 anos. Se ganharmos do Lula, vamos perder para quem?“.

Siga Urbs Magna no Google Notícias
Comente

1 comentário em “Projeto de poder de Bolsonaro prevê ciclo de poder de 20 anos, caso Lula seja derrotado”

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.