Portal da Transparência sai do ar após caso ‘Leite Moça’

27/01/2021 0 Por Redação Urbs Magna

“Pegamos o rabo da ratazana”, diz Ciro Gomes. “O canalha que nos governa tirou o Portal da Transparência do ar! Isto jamais aconteceu na história Brasileira!”

“Alô Ministério Público, vai ficar por isso mesmo?”, questionou Ciro.

Na terça, o portal Metrópoles divulgou que o governo Bolsonaro gastou R$ 15 milhões com leite condensado e R$ 2,2 milhões com chicletes, entre outros itens alimentícios, no ano passadoO Portal da Transparência do governo federal saiu do ar na noite desta terça-feira (26).

Durante o dia, o assunto mais comentado nas redes sociais foi a matéria do portal Metrópoles que expôs os gastos de R$ 15 milhões com leite condensado Moça, R$ 2,2 milhões com chicletes e outros itens alimentícios, durante o ano anterior.

Os dados do Ministério da Economia estavam no Portal da Transparência.

Os gastos do Poder Executivo com alimentos no ano foi 20% maior que em 2019. 

Ciro Gomes afirmou em seu perfil do Twitter:

“O canalha que nos governa tirou o Portal da Transparência do ar! Isto jamais aconteceu na história Brasileira! Pegamos o rabo da ratazana. Alô Ministério Público, vai ficar por isso mesmo?”

Comente com o Face ou utilize a outra seção abaixo. Os comentários são de responsabilidade do autor e não têm vínculo com a publicação. Mantenha um bom nível de discussão, do contrário reservamo-nos o direito de banir seus perfis.