O abraço da vergonha alheia: ‘A cabeça lá em Queiroz’ e a gratidão pelo Banco Mundial

18/06/2020 0 Por Redação Urbs Magna

Et Urbs Magna – As redes sociais replicaram o vídeo da despedida de Abraham Weintraub como um símbolo da vergonha alheia. De um lado, o presidente Jair Bolsonaro com “a cabeça lá em Queiroz”, como escreveu Marcelo D2 em seu perfil social do microblog Twitter na noite desta quinta-feira (18). Do outro lado, o ex-Ministro da Educação não se contém de emoção, possivelmente pelo novo salário de mais de R$ 115 mil mensais que poderá mamar como diretor do Banco Mundial.

Junte-se a 37.251 outros assinantes

Comente com o Face ou utilize a outra seção abaixo. Os comentários são de responsabilidade do autor e não têm vínculo com a publicação. Mantenha um bom nível de discussão, do contrário reservamo-nos o direito de banir seus perfis.