'Moro: O herói sem nenhum caráter' – o estigma que o ex-juiz carregará para sempre, por todos os seus crimes

05/01/2020 1 Por Redação Urbs Magna
'Moro: O herói sem nenhum caráter' – o estigma que o ex-juiz carregará para sempre, por todos os seus crimes

O texto, que você certamente ‘reconhece de algum lugar’, foi inserido na web em meados de julho de 2019 e viraliza nas redes sociais desde então. O título foi ‘inspirado’ no livro com título ‘homônimo’ de Mário de Andrade ‘Macunaíma: O Herói sem nenhum caráter’


Enquanto Lula estava encarcerado na Polícia Federal de Curitiba, a militância petista, e brasileiros em geral estupefatos com os crimes do ex-juiz Sergio Moro em relação ao ex-presidente, que foi condenado sem comprovação do que foi acusado, passaram a observar com mais ‘carinho’ toda a performance do atual Ministro da Justiça, à época de sua ‘inexpressiva’ carreira antes de pegar o caso do petista.


WHATSAPP

TELEGRAM
Receba nossas NOTÍCIAS.
Acesse e siga as INSTRUÇÕES
Receba nossas NOTÍCIAS.
Acesse e siga NOSSO CANAL


Acompanhe as publicações do ET URBS MAGNA no FACEBOOK (CURTA AQUI)

Eis que alguém resolveu reunir em uma única publicação toda a corrupção de Moro antes de virar ‘herói nacional’, quando o poder lhe subiu à cabeça. Lembraram do o título de um livro e substituíram o primeiro nome.

Macunaíma, o herói sem nenhum caráter, publicado em 1928 por Mário de Andrade (SP, 09/10/1893 – SP, 25/02/1945) e considerado a sua obra-prima.

Veio a calhar. Moro era o herói criado nos estúdios da Globo e sua falta de caráter no caso Lula foi a gota d’água.

Deu no que deu:

MORO: O HERÓI SEM NENHUM CARÁTER

  • Anulou todas as sentenças do caso Banestado, que desviou mais de 500 bilhões; apenas tucanos envolvidos.
  • Anulou as perguntas de Cunha a Temer, dizendo que ele estava constrangendo o presidente.
  • Tinha todas as provas contra Andrea Neves, irmã de Aécio, desde 2015 e não a prendeu ou sequer pediu investigação; ela foi presa pelo STF.
  • Absolveu a mulher de Eduardo Cunha ignorando contas na Suíça e parecer do MP suíço dizendo que ela é quem as operava.
  • Absolveu a mulher de Cabral, mesmo ela comprovadamente sendo líder de um esquema que comprava juízes e promotores e tendo mansões e mais de 11 milhões em joias.
  • Quase 4 anos de Lava Jato, nunca prendeu, indiciou ou condenou nenhum tucano.
  • Ignorou vídeo de ex-presidente do PSDB pedindo 10 milhões em propinas e o absolveu por “falta de provas”.
  • Diminui em 90% a pena de bandidos que delatarem Lula, como Léo Pinheiro, Roberto Duque, etc. Mas só se delatar Lula.
  • Soltou Yousseff duas vezes e diminuiu sua pena no caso Banestado de 121 anos para apenas 1 ano.
  • Quando descobriu que o maior desvio da Lava Jato, os 16 Bilhões da Refinaria Abreu e Lima em Pernambuco, envolvia somente o PSDB, PP e PSB, Moro atribuiu a culpa a defuntos e realizou um julgamento no dia 22 de abril de 2015 em absoluto segredo, implicando apenas uns gatos pingados, sem citar nenhum político, dando o caso por encerrado. A imprensa ocultou.

Este é Sergio Moro.

Por: Lacildo B. Mattos

Utilize o espaço que reservamos para você fazer comentários. Role a página para baixo e fale sobre este assunto.
Os comentários não representam a opinião do ET URBS MAGNA. A responsabilidade é do autor da mensagem.

Anúncios