Intervenção no Rio é truque de Temer para reprimir greve do dia 19

17/02/2018 0 Por Redação Urbs Magna

A intervenção no Rio é mais um passo da quebra do pacto democrático no país. Medida desnecessária, é a radicalização que o governo promove frente às greves que se avizinham e a tensão contra a ameaça que prisão de Lula pode levar.

Os setores democráticos devem rechaçar essa medida.

A intervenção no Rio é a “Bolsonarização” do governo Temer, o apelo da adoção do populismo na politica de segurança publica. Bastava a GLO- Garantia de Lei e Ordem para responder a uma ação das Forças Armadas. Junto virão as restrições aos direitos civis.

Palavras do Deputado Federal PT-SP PAULO TEIXEIRA

Comente com o Face ou utilize a outra seção abaixo. Os comentários são de responsabilidade do autor e não têm vínculo com a publicação. Mantenha um bom nível de discussão, do contrário reservamo-nos o direito de banir seus perfis.