GILMAR DIZ QUE PRISÕES PROVISÓRIAS DE MORO VISAM SATISFAZER PERVERSÃO PESSOAL

12/04/2018 1 Por Redação Urbs Magna

O ministro Gilmar Mendes, do STF, disse nesta quinta que as prisões provisórias são torturas para satisfazer perversão pessoal do juiz Sérgio Moro.

O supremo julga nesta tarde habeas corpus de ofício para o ex-ministro Antonio Palocci, preso ilegalmente desde setembro de 2016 pela lava jato.

“Não se pode admitir, em hipótese alguma, prisão provisória de velhos e idosos para satisfazer satisfação pessoal”, afirmou Mendes.

O ex-presidente Lula, preso desde sábado (7), tem 73 anos de idade. Ele é o mais ilustre preso político da lava jato.

Subscreva nosso Canal do Youtube e tenha acesso a todos os vídeos. Curta nossa Página no Facebook e receba em primeira mão todas as postagens. Entre para o Grupo PROGRESSISTAS POR UM BRASIL SOBERANO e acompanhe as propostas para um país mais igualitário. Siga-nos no Twitter.

Comente com o Face ou utilize a outra seção abaixo. Os comentários são de responsabilidade do autor e não têm vínculo com a publicação. Mantenha um bom nível de discussão, do contrário reservamo-nos o direito de banir seus perfis.