Folha traz opiniões sobre os valores do Brasil de Lula perdidos por Bolsonaro, o pior presidente do mundo

31/05/2020 0 Por Redação Urbs Magna

Et Urbs Magna – Uma publicação do jornal Folha de São Paulo, na noite deste sábado (20), traz opiniões, como a do ex-Ministro da Fazenda Rubens Ricupero, pai do Plano Real, que apontam para um Brasil que dava certo, especialment durante o Governo Lula, em total contraste ao do atual presidente Jair Bolsonaro, considerado internacionalmente como o pior presidente do mundo.

Junte-se a 37.013 outros assinantes

A apresentação da matéria mostra que o foco principal do conteúdo é o péssimo desempenho do atual chefe do excecutivo, cuja imagem “derrete no exterior e o mundo teme o Brasil“.

Na sequência do texto a Folha comenta os editoriais de alguns grandes jornais internacionais ao expressarem suas opiniões de modo alarmado sobre a condução da crise de coronavírus por Bolsonaro: Washington Post, Le Monde, Financial Times, El País e The Guardian, todos falando sobre a péssima imagem do presidente.

Mas a matéria, endossada pelo jornalista Nelson de Sá, surpreende pela introdução de comentários que enaltecem o ex-presidente Lula, ainda que nem tão explicitamente, quando da condução de seu Governo no período compreendido entre o início de seu primeiro mandato e o término do último.

São incorporadas à publicação da Folha os pensamentos do ex-Ministro da Fazenda Rubens Ricupero, autor do Plano Real durante a gestão de Itamar Franco, os do ex-chanceler Celso Amorim, os de um americano, ex-correspondente do Los Angeles Times, Vincent Bevins, que ficou isolado no Brasil por conta da pandemia e os de Karina Mariano, professora de relações internacionais da Unesp.

A professsora diz que “uma coisa é certa: o papel do Brasil nestes últimos cinco anos encolheu muito. Se a gente olhar a primeira década dos anos 2000, era um país que apontava como uma futura liderança internacional. Agora isso desapareceu. Agora a ideia é que estamos indo para trás.”

Já Bevins. o americano, conta que “familiares nos EUA e amigos meus na Ásia passaram a entrar em contato, perguntando se estou seguro, se o presidente [Bolsonaro] está me ameaçando”.

Celso Amorim diz que “não há mais imagem. É a caricatura do Brasil no exterior. Só que a caricatura foi desenhada aqui dentro. E tem um certo rosto.

Enfim, Rubens Ricupero descreve a imagem do Brasil no exterior, hoje, como “o lugar de que as pessoas têm medo. Já era ruim com o início do governo, mas com a pandemia isso se multiplicou, é o tempo todo, em todo lugar”.

Ricupero ainda afirmou que, “em resumo, não sobrou nada do que o Brasil tinha antes, se nós compararmos com aquela famosa capa do Cristo Redentor decolando no Economist, em 2009. Só ficou o grau de atenção internacional ao Brasil, que se elevou muito“, disse o ex-ministro de Itamar.

Mas hoje com sinal contrário“, completou o colunista da Folha.

Esta imagem possuí um atributo alt vazio; O nome do arquivo é ET-URBS-MAGNA-LARANJA-um2-1024x1024.png
TELEGRAM:
Acesse e siga NOSSO CANAL
Receba nossas Newslleters gratuitamente
Não tem o aplicativo? ACESSE AQUI e Saiba por que o TELEGRAM é 10 vezes melhor que o WHATSAPP

𝘊𝘰𝘮𝘦𝘯𝘵𝘦 𝘤𝘰𝘮 𝘴𝘦𝘶 𝘍𝘢𝘤𝘦𝘣𝘰𝘰𝘬 𝘰𝘶 𝘶𝘵𝘪𝘭𝘪𝘻𝘦 𝘢 𝘰𝘶𝘵𝘳𝘢 𝘴𝘦çã𝘰 𝘮𝘢𝘯𝘵𝘪𝘥𝘢 𝘢𝘣𝘢𝘪𝘹𝘰. 𝘖𝘴 𝘤𝘰𝘮𝘦𝘯𝘵á𝘳𝘪𝘰𝘴 𝘴ã𝘰 𝘥𝘦 𝘳𝘦𝘴𝘱𝘰𝘯𝘴𝘢𝘣𝘪𝘭𝘪𝘥𝘢𝘥𝘦 𝘥𝘦 𝘲𝘶𝘦𝘮 𝘰𝘴 𝘱𝘶𝘣𝘭𝘪𝘤𝘢 𝘦 𝘱𝘰𝘥𝘦𝘮 𝘯ã𝘰 𝘳𝘦𝘧𝘭𝘦𝘵𝘪𝘳 𝘢 𝘰𝘱𝘪𝘯𝘪ã𝘰 𝘥𝘰 𝘴𝘪𝘵𝘦. 𝘛𝘦𝘹𝘵𝘰𝘴 𝘷𝘶𝘭𝘨𝘢𝘳𝘦𝘴 𝘦 𝘥𝘪𝘴𝘤𝘶𝘳𝘴𝘰𝘴 𝘥𝘦 ó𝘥𝘪𝘰 𝘴ã𝘰 𝘥𝘦𝘴𝘯𝘦𝘤𝘦𝘴𝘴á𝘳𝘪𝘰𝘴 𝘱𝘢𝘳𝘢 𝘢 𝘤𝘰𝘯𝘴𝘵𝘳𝘶çã𝘰 𝘥𝘦 𝘶𝘮𝘢 𝘴𝘰𝘤𝘪𝘦𝘥𝘢𝘥𝘦 𝘤𝘪𝘷𝘪𝘭𝘪𝘻𝘢𝘥𝘢. 𝘕𝘦𝘴𝘵𝘦𝘴 𝘤𝘢𝘴𝘰𝘴, 𝘳𝘦𝘴𝘦𝘳𝘷𝘢𝘮𝘰-𝘯𝘰𝘴 𝘰 𝘥𝘪𝘳𝘦𝘪𝘵𝘰 𝘥𝘦 𝘣𝘢𝘯𝘪𝘳 𝘴𝘦𝘶𝘴 𝘱𝘦𝘳𝘧𝘪𝘴.