Categoria: TENDÊNCIAS

Seja Homem, Diga ‘Eu te Amo’ – Campanha de Dia dos Pais, da Natura, busca desmistificar conceitos

Por Redação Urbs Magna

Para desmistificar conceitos cada vez mais ultrapassados e carregados de machismo, neste Dia dos Pais a marca Natura Homem da Natura lança a campanha #HomemPra Dizer eu te amo.

Anúncios

Pintura geométrica ajuda a mudar o ambiente sem gastar muito; veja modelos para se inspirar

Por Redação Urbs Magna

Formas geométricas coloridas podem ser uma alternativa fácil e mais em conta para destacar paredes de quartos, salas e cozinhas do que aplicar papel de parede ou novos revestimentos. Arquitetos garantem que, com pouca tinta e alguma paciência, é possível criar à mão estampas moderninhas, como listras, triângulos e faixas coloridas.

Comunicação frequente e persistente muda comportamentos chaves

Por Redação Urbs Magna

Quando a MGov surgiu, em agosto de 2012, queríamos ajudar o governo a usar soluções mobile para entender, na escala e na frequência necessárias, as demandas do cidadão. Nossa hipótese era a de que, armados com informação precisa, o governo faria políticas públicas capazes de refletir de maneira mais próxima as preferências daqueles que o elegem, fazendo nossa democracia funcionar melhor.

O judiciário como linha de frente no avanço neofascista

Por Redação Urbs Magna

O ativista português João Bernardo, em seu Labirintos do fascismo: na encruzilhada da ordem e da revolta, se nega a apresentar uma unidade coesa nos diversos fascismos do século XX: identifica quatro eixos, que ora colaboram, ora disputam entre si pelo poder, tendo como base social um grupo bastante heterogêneo, de grandes industriais a camponeses, passando por funcionários de colarinho branco. Na página 216 ele cita que Maurice Bardèche, “o mais sábio dos fascistas franceses, prolongou a lição de Ledesma Ramos [um dos principais ideólogos do fascismo espanhol] chamando a atenção para ‘a impossibilidade de o fascismo se desenvolver fora dos períodos de crise. Porque ele não tem um princípio fundamental. Porque não tem uma clientela natural. É uma solução heróica. […] É o partido da nação em cólera. E principalmente […] dessa camada da nação que usualmente se satisfaz com a vida burguesa, mas que as crises perturbam, que as atribulações irritam e indignam, e que intervém então brutalmente na vida política com reflexos puramente passionais, quer dizer, a classe média. Mas essa cólera da nação é indispensável ao fascismo’. É certo que aquela situação de crise colocava problemas distintos a cada uma das classes e das camadas sociais, mas o fascismo pretendia possuir uma solução comum para essa diversidade de questões”.

Deputados do PT estão recebendo AMEAÇAS DE MORTE por exibirem placas com pedidos de “LULA LIVRE”

Por Redação Urbs Magna

O deputado federal eleito Rogério Correia (PT-MG) e a deputada estadual eleita Beatriz Cerqueira (PT-MG) denunciaram que estão recebendo ameaças de morte. Eles sofreram represálias durante a diplomação por exibirem placas com os dizeres #Lulalivre.