Brasil 2050 do Presidente ‘Zero Quatro’ terá ‘Covid-49’ e toroteios de uma ‘guerra civil’, segundo a ‘Blogueirinha do Fim do Mundo’

19/02/2021 0 Por Redação Urbs Magna

Em uma mistura de sátira e alerta, Maria Bopp produz ficção para o ano futurista, quando a “guerra com a Venezuela”, a “tortura legalizada” e as “multas ambientais anistiadas” farão parte do dia a dia dos brasileiros

De acordo com Maria Bopp, a ‘Blogueirinha do Fim do Mundo’, no ano 2050 a ‘guerra com a Venezuela’ estará em curso, a tortura terá sido legalizada, todas as multas ambientais terão sido anistiadas pelo ‘Ministério do Desmatamento, pasta do Presidente ‘Zero Quatro’ – Renan Bolsonaro. Protagonista em sua própria ficção, Bopp agradece a ‘permissão’ para a realização do vídeo, concedida pelo presidente daquele ano, fazendo o gesto de ‘arminha’.

Outros temas farão parte das transformações políticas e sociais, além das mencionadas acima, como a proibição de mulheres nas ruas, as quais somente terão duas horas para saírem de casa e devendo aproveitá-las para irem ao mercado e depositarem o dízimo antes do toque de recolher.

A temperatura média no Brasil será em torno de 46º C, graças ao negacionismo da ciência e ao descaso com a preservação ambiental, e, sem muitas opções, o prato principal do brasileiro será a soja. “Soja com soja e soja”, diz Bopp.

Em 2050 haverá um museu chamado ‘Tem Que Mudar Isso Daí’, que terá exposições de antiguidades do país, como as urnas eletrônicas: “Eu fui numa exposição de urnas eletrônicas, que eram artefatos usados antigamente pra votar em alguém pra ser presidente, por exemplo”, diz Maria Bopp em seu vídeo no Instagram misturando sátira e alerta.

“Até mulheres… pobres… podiam votar. Chamavam democracia. Uma loucura!”, complementa seu argumento fictício.

A “Constituição de 88” também estará em exposição no museu como referência “um documento que pregava Direitos Humanos para todos os humanos. Não era só pra humanos direitos”, diz Bopp em referência ao ‘cidadão de bem’ antes de expor aos seguidores de seu canal os seus casacos de animais extintos, como onças extintas por ONG criada pelo ‘comunista’ Leonardo DiCaprio.

Em seguida, a ‘Blogueirinha’ se assusta com os tiros do povo armado nas ruas durante a ‘guerra civil’ brasileira e diz que apesar de não ser ‘maricas’ e que não acredita nessa coisa de ‘fica em casa’ por conta da pandemia de Covid-49 – evolução do vírus que assola o país, e que não usará seu direito a duas horas para sair. Em vez disso, trocará sua ‘permissão’ para assistir, na TV, à reprise do ‘auto-golpe’ de 2022.

ASSISTA:

Comente com o Face ou utilize a outra seção abaixo. Os comentários são de responsabilidade do autor e não têm vínculo com a publicação. Mantenha um bom nível de discussão, do contrário reservamo-nos o direito de banir seus perfis.