Bolsonaro quis demitir Mandetta hoje (6), mas quem manda no Brasil é Braga Netto

06/04/2020 1 Por Redação Urbs Magna

Bolsonaro já tinha decidio mandar Mandetta embora do Ministério da Saúde, mas sabe quem não deixou? Walter Braga Netto (Casa Civil), que dizem, sob as cortinas do Alvorada, assumiu a cadeira presidencial, e Luiz Eduardo Ramos (Governo). Os dois integram o BR-4G, grupo de quatro generais que governa o Brasil sem o populismo irracional do ‘Seu Jair’. Os militares estão do lado do Ministro da Saúde, que diverge do chefe do Executivo ‘no tocante‘ ao isolamento social.

Mas Bolsonaro ainda tenta demitir a “estrela” (como o define, enciumado) da pasta da Saúde. O temor do presidente se deve à quebra provável da economia com a manutenção da quarentena recomendada pela OMS (Organização Mundial da Saúde), o que faria desmanchar seu governo que está numa ‘sinuca de bico’ por conta da pandemia.

Bolsonaro chegou a almoçar com Osmar Terra, ex-ministro da Cidadania, no início da tarde de hoje. Ele é o mais cotado para substituir Mandetta, juntamente com a imunologista e oncologista Nise Yamaguchi, diretora  do Instituto Avanços em Medicina, e o diretor-presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Antônio Barra Torres.

Comente com o Face ou utilize a outra seção abaixo. Os comentários são de responsabilidade do autor e não têm vínculo com a publicação. Mantenha um bom nível de discussão, do contrário reservamo-nos o direito de banir seus perfis.